Coluna Boca Maldita desta sexta, 24

Serraglio na Justiça
O deputado federal Osmar Serraglio (PMDB-PR) aceitou o convite feito pelo presidente Michel Temer (PMDB) para assumir o Ministério da Justiça no lugar de Alexandre de Moraes, que assumirá uma cadeira no STF (Supremo Tribunal Federal).

Serraglio na Justiça 2
O paranaense chega à Esplanada após perder a disputa pela vice-presidência da Câmara. No currículo, tem a favor o fato de já ter sido presidente da CCJ (Comissão de Constituição e Justiça), relator da CPI dos Correios, que revelou o mensalão. É ainda advogado, foi assessor jurídico de diversas prefeituras, além de professor universitário.

Sanepar em alta
A Sanepar divulgou ontem que em 2016 teve lucro líquido de R$ 626,8 milhões – acréscimo de 43% em relação ao ano anterior. No período, foram incorporados ao serviço de abastecimento de água 46 mil novos clientes e 94 mil usuários do serviço de coleta e tratamento de esgoto. Com este resultado, a Sanepar se mantém no grupo de elite das empresas públicas prestadoras dos serviços de saneamento básico no Brasil.

Na conta
O servidor público estadual vai passar o feriado de Carnaval com dinheiro. O governador Beto Richa autorizou a antecipação do pagamento da folha do funcionalismo para esta sexta-feira. O dinheiro cai na conta quatro dias antes do prazo (último dia útil do mês). Segundo o governo, a medida vai injetar R$ 1,7 bilhão na economia na véspera do carnaval e beneficiará cerca de 266 mil servidores ativos, aposentados e pensionistas do Estado.

Tudo igual
O horário eleitoral gratuito da eleição suplementar para prefeito em Foz do Iguaçu e outras 3 cidades do Paraná inicia no dia 27 de fevereiro e vai até 31 de março. A prestação de contas dos candidatos, diretórios municipais dos partidos e comitês financeiros deverá ser apresentadas ao Juízo Eleitoral até 7 de abril e os candidatos eleitos serão diplomados até 20 de abril. O comparecimento do eleitor e o atendimento às convocações para mesários são obrigatórios. Ou seja, tudo igual uma eleição normal.

Subutilizados
O mercado de trabalho encerrou 2016 com 24,3 milhões de trabalhadores subutilizados, um aumento de 1,4 milhão (6%) em relação ao trimestre anterior, segundo o IBGE. O indicador inclui a taxa de desemprego, a taxa de subocupação por insuficiência de horas e a taxa da força de trabalho potencial (pessoas que não estão em busca de emprego).

Retomando
O governo federal retomou 436 obras de pequeno porte em todo o Brasil no esforço de ajudar na recuperação da economia e 79 projetos já foram até concluídos. Os empreendimentos têm valor entre R$ 500 mil e R$ 10 milhões. Ao apresentar o balanço, o ministro do Planejamento, Dyogo Oliveira, comemorou. “É uma evolução bastante satisfatória tendo em vista o curto prazo”, disse. As informações são do Diário do Poder.

Morre ex-prefeito de Capanema, Marcelino Ampessan, aos 85 anos

prefeito capanemaO ex-prefeito de Capanema, Marcelino Ampessan, faleceu na manhã desta quinta-feira (23), aos 85 anos de idade. Ele estava com a saúde debilitada, informam parentes e amigos. O corpo está sendo velado na Câmara de Vereadores.

Ele é um dos pioneiros no desbravamento de Capanema, no Sudoeste do Paraná. Marcelino Ampessan foi prefeito, vice-prefeito e vereador em várias legislaturas. O prefeito Americo Belle decretou Luto Oficial nos dias 23, 24 e 25.

Para mostrar que o PT valoriza as mulheres, nada como uma Gleisi depois de uma Dilma

Para mostrar que o PT valoriza as mulheres, nada como uma Gleisi depois de uma Dilma

Augusto Nunes

“Acho que o PT reafirma seu compromisso com as mulheres, com o empoderamento das mulheres. De fato, uma mulher na liderança é uma forma de nós questionarmos esse governo, que é um governo ilegítimo, composto basicamente de homens brancos”. (Gleisi Hoffmann, nova líder da bancada do PT no Senado, transformada em ré pelo Supremo Tribunal Federal, ensinando que assumiu o posto porque um governo ilegítimo formado por homens brancos precisa ser combatido por uma inimiga loira e de olhos verdes).

Coluna Boca Maldita desta quinta, 23

requiao

Não votou
O senador Roberto Requião (PMDB) deu um jeito de não participar da votação que aprovou Alexandre de Moraes para o STF, na vaga de Teori Zavascki, morto em janeiro último. Crítico ácido de Moraes, o indicado do presidente Michel Temer (PMDB) para o STF, Requião viajou ao Uruguai, para participar de reunião do Parlamento do Mercosul. Os petistas Jorge Viana e Humberto Costa, também críticos da indicação de Moraes, estão em Israel.

No STF
Por falar em Alexandre de Moraes, ontem (22) o Senado aprovou a indicação dele para o STF por 55 votos a 13. Dos 81 senadores, 13 não votaram. Logo após a votação, mais precisamente quatro horas, o presidente Temer nomeou o novo ministro, conforme portaria na edição extra do Diário Oficial da União. O presidente nacional do PSDB, senador Aécio Neves, também participou do ato no Palácio do Planalto.

Moro proibido
E o ex-presidente José Sarney continua com poder total, inclusive no Judiciário. Os ministros da Segunda Turma do STF decidiram que o juiz Sergio Moro, da Justiça Federal no Paraná e responsável pelo inquérito da Operação Lava Jato, não pode usar depoimentos do ex-presidente da Transpetro, Sérgio Machado, referentes a Sarney.

R$ 500 milhões
Este é o montante do superavit do Paraná, referente ao ano de 2016. Os dados foram apresentados ontem pelo secretário Mauro Ricardo (Fazenda), em audiência pública na Assembleia Legislativa. Conforme os demonstrativos da Lei de Responsabilidade Fiscal publicado no Diário Oficial em 30 de janeiro, as receitas totais do Estado somaram R$ 51,8 bilhões no exercício, enquanto as despesas totais chegaram a R$ 51,3 bilhões.

Agilidade
A governadora em exercício Cida Borghetti (PP) se reuniu com Temer ontem em Brasília e pediu celeridade na análise dos empréstimos internacionais solicitados pelo Paraná junto ao BID. A Secretaria do Tesouro Nacional é responsável pelo aval da documentação que prevê financiamentos para as áreas de segurança, infraestrutura urbana e viária.

Contra Cury
Denúncia, pedido de abertura de inquérito, afastamento, liminar e indenização por prejuízos, tudo contra o presidente da Federação Paranaense de Futebol, Hélio Cury e a própria entidade. É o que os torcedores pediram ao procurador da defesa dos consumidores e do patrimônio público, Maximiliano Deliberador. Eles apontam o dirigente como responsável pela não realização do clássico Atletiba no último domingo (19).

Foragido
O doleiro Paulo Roberto Krug está sendo procurado pelas autoridades policiais para dar início ao cumprimento de pena em regime fechado no sistema prisional do Estado. Krug ficou conhecido por ser um dos poucos réus do Caso Banestado a ser definitivamente condenado pela Justiça, pois grande parte dos acusados teve a pena cancelada pela demora do processo, anotou Fernando Tupan.

Foragido II
Quase dez anos após ser denunciado pelo Ministério Público Federal no Paraná, o doleiro chegou a cumprir pena no regime semiaberto em 2013, condenado definitivamente a 4 anos, 9 meses e 18 dias por crimes financeiros praticados durante o escândalo.

Paraná fecha 2017 com superávit de R$ 500 milhões

Paraná fecha 2017 com superávit de R$ 500 milhões

Apesar de ter registrado queda na arrecadação devido à crise econômica vivida pelo País, o Paraná encerrou 2016 com superávit orçamentário de R$ 500 milhões. Conforme os demonstrativos da Lei de Responsabilidade Fiscal publicado no Diário Oficial em 30 de janeiro, as receitas totais do Estado somaram R$ 51,8 bilhões no exercício, enquanto as despesas totais chegaram a R$ 51,3 bilhões.

O resultado positivo foi obtido mesmo com reajuste de pessoal e aumento nos investimentos. O Governo do Paraná concedeu reajuste de 10,67% aos servidores do Estado e aumentou os investimentos em saúde, educação e infraestrutura, entre outros segmentos.

Enquanto a receita tributária teve queda real de 1,57% em 2016, para R$ 28,22 bilhões, as despesas com pessoal e encargos tiveram aumento real de 6,84% na comparação com 2015 e somaram R$ 21,9 bilhões. O acréscimo nas despesas de pessoal foi de R$ 3 bilhões. Continue lendo

MPE pede cassação de Pimentel

MPE pede cassação de Pimentel

A Procuradoria Regional Eleitoral em Minas Gerais emitiu parecer favorável pela cassação do governador do estado, Fernando Pimentel (PT). O documento integra a Ação de Investigação Judicial Eleitoral (AIJE) movida pelo PSDB, partido derrotado pelo petista nas eleições de 2014. A acusação é de extrapolação de gastos de campanha. As informações são de Leonardo Augusto no Estadão.

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) confirmou, em fevereiro de 2016, a decisão do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MG) que reprovou as contas de campanha do petista. Conforme o corpo técnico do TRE, a campanha de Pimentel gastou R$ 10,1 milhões a mais que o valor inicialmente declarado como teto pela campanha, de R$ 42 milhões. Na eleição, Pimentel derrotou o tucano Pimenta da Veiga (PSDB).

No parecer pela cassação, o procurador Patrick Salgado afirma que houve desequilíbrio entre os concorrentes. “Verifica-se que a campanha dos representados não se pautou pelos valores da lisura, transparência e higidez. Ao revés, foi realizada ao alvedrio e conveniência dos candidatos, gerando desequilíbrio de condições na concorrência e, em última análise, desigualdade no pleito”. Continue lendo

Rodovia entre Irati e São Mateus do Sul será pavimentada, diz Richa Filho

Rodovia entre Irati e São Mateus do Sul será pavimentada, diz Richa Filho

O secretário de Infraestrutura e Logística, José Richa Filho, anunciou nesta terça-feira (21), em reunião com deputados e prefeitos, a pavimentação da PR-364, entre Irati e São Mateus do Sul, na região Sudeste do estado. A obra está orçada em R$ 140 milhões.

“A pavimentação desse trecho é esperada há muito tempo pela população dos dois municípios e de toda região. A estrada não pavimentada impõe uma série de limitações por conta do clima e de outros fatores. Com a obra, vamos resolver esta situação”, disse Richa Filho.

O projeto prevê a pavimentação de 47,7 quilômetros do trecho entre as duas cidades seguindo o traçado da estrada atual, não pavimentada. Em 1,4 quilômetro, na chegada de Irati, será feito um novo trajeto para desviar de uma comunidade ali existente. Também está prevista a construção de uma nova ponte, com 14 metros de extensão, sobre o Rio Turvo.

Paraná tem superávit. Manchete da Gazeta do Povo é falsa, diz Mauro Ricardo

O secretário estadual da Fazenda, Mauro Ricardo Costa, garantiu que o Paraná teve superávit de R$ 500 milhões em 2016 e que a manchete do jornal Gazeta do Povo “é falsa” quando tratou do assunto nesta segunda-feira, 22. “É um título falso. Infelizmente se a Gazeta (do Povo) tivesse consultado a Secretaria da Fazenda, teria obtido a informação verdadeira. É um título falso que merece logicamente um reparo por parte da Gazeta (do Povo). Não há qualquer gasto superior as receitas do Estado”, disse Mauro Ricardo em entrevista à CBN/Curitiba;

“As receitas do Estado em 2016 somaram R$ 51,8 bilhões contra uma despesa R$ de 51,3 biçhões, ou seja, houve um superávit orçamentário de cerca de R$ 500 milhões. Então é um título falso de pessoas que não conhecem a administração financeira e orçamentária”, completou.

Para Mauro Ricardo, a conta simples: “A receita arrecadada contra a despesa do exercício. um superávit da ordem de 500 milhões. Eles fizeram uma confusão muito grande e o título da matéria é totalmente falso”, reiterou.

STF proíbe Moro de analisar citações de delator contra Sarney na Lava Jato

STF proíbe Moro de analisar citações de delator contra Sarney na Lava Jato

Os ministros da Segunda Turma do STF (Supremo Tribunal Federal) decidiram que o juiz Sergio Moro, da Justiça Federal no Paraná, não pode usar depoimentos do ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado referentes ao ex-presidente José Sarney. As informações são de LetíciaCasado na Folha de S. Paulo.

A decisão foi tomada nesta terça (21) pela maioria dos ministros que compõem a Segunda Turma. Foram quatro votos nesse sentido: Celso de Mello, Gilmar Mendes, Dias Toffoli e Ricardo Lewandowski.

Os ministros aceitaram recurso da defesa de Sarney e entenderam que as citações a ele feitas por Machado estão diretamente relacionadas a menções a outros políticos com prerrogativa de foro no STF –portanto, qualquer investigação relacionada ao ex-presidente deveria permanecer no Supremo. Leia mais

 

Coluna Boca Maldita desta quarta, 22

Boca Maldita: Coluna Boca Maldita desta quarta, 22

Cida apoia Serraglio
Em Brasília a vice-governadora, Cida Borghetti (PP), reforçou a indicação do deputado Osmar Serraglio (PMDB) ao cargo de ministro da Justiça. Cida esteve nesta terça com o coordenador da bancada paranaense, deputado Toninho Wandscheer (Pros) , que esta liderando o movimento pela nomeação Serraglio ao cargo.

Cerveja
A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembleia Legislativa aprovou ontem (21) o projeto de lei que regulamenta a venda e consumo de cerveja e chope nos estádios em dias de jogos de futebol no Paraná. A proposta foi apresentada pelo deputado Luiz Claudio Romanelli (PSB), líder do governo na Casa de Leis.

“Golpe”
O PSDB articula com o Palácio do Planalto para tirar a União Nacional dos Estudantes (UNE) das mãos do PT, PCdoB e da União Juventude Socialista. O cotado para o comando é o presidente da Juventude Nacional do PSDB, Henrique Vale (PR). O projeto é mudar o perfil ideológico dos estudantes a médio prazo e inclui o controle dos diretórios acadêmicos das universidades públicas, hoje dominados pela esquerda. As informações são de Leandro Mazzini.

Aqui, não
Enquanto em outros estados a discussão sobre a privatização de estatais segue forte – caso do Rio com a CEDAE, aprovada ontem, e do Rio Grade do Sul com o Banrisul – no Paraná não ouve um pio sobre venda do tipo. O governador Beto Richa já sinalizou várias vezes de que não há qualquer intenção de vender a Copel, Sanepar ou Compagás. A boa situação financeira do estado corrobora tais decisões.

Túlio solto
O advogado Túlio Bandeira, preso no dia 11 de janeiro pela Polícia Federal, deixou o Complexo Médico-Penal, em Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba, no início da noite desta segunda-feira (20). Ele é réu em uma ação penal que investiga um esquema de corrupção na Prefeitura de Foz..

Túlio II
O portal do G1 PR informa que, de acordo com a decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ) de sexta-feira (17), Túlio está proibido de manter contato com outros réus e investigados na ação penal e não pode deixar o país – mediante a entrega do passaporte, além de afastar-se de qualquer função pública.

AMSOP
Os prefeitos dos 42 municípios que formam o Sudoeste do Paraná se reúnem na próxima sexta-feira (24) na sede da Associação em Francisco Beltrão. Em pauta a negociação de multas referente ao não recolhimento da DARF pela exploração de pedra e cascalho.

Foro e suruba
“O que disse o senador Romero Jucá (PMDB-RR), líder do governo no Congresso, ao comentar a proposta de restringir o foro especial de políticos somente para crimes cometidos no exercício do mandato eletivo: Se acabar o foro, é para todo mundo. Suruba é suruba. Aí é todo mundo na suruba, não uma suruba selecionada”. Do jornalista Ricardo Noblat, em O Globo.

Requião escapa de sabatina

requiao

Painel, Folha de S. Paulo

Fui ali e já volto – Roberto Requião (PMDB-PR), que costuma enfrentar o Planalto nos discursos, foi ao Uruguai para reunião do Parlamento do Mercosul. Voltaria na própria terça-feira (21) à noite. Os petistas Jorge Viana e Humberto Costa estão em Israel.

Foto: arquivo/google

Deputado do PMDB quer que alvos de inquéritos não assumam ministérios

joão-arrudaJoão Arruda, do PMDB do Paraná, apresentou ontem um projeto de lei que, se aprovado, vai criar um problemão para o governo Michel Temer: nenhum deputado ou senador alvo de inquérito no STF poderá assumir cargo de ministro de Estado.

O texto vai além do prometido por Temer porque inclui os alvos de inquérito. Temer falou apenas nos denunciados pelo Ministério Público. Mas Arruda acredita que só a suspeita já inviabiliza um ministro de tomar posse: a abertura de inquérito também depende de indícios mínimos e de autorização do STF.

O texto também coloca nessa regra os assessores do presidente, os presidentes de estatais e os secretários de ministérios. As informações são de Guilherme Amado, em O Globo.

Palmas implanta programa de controle digital para os acervos de bibliotecas

detoni

Bem Paraná

Os acervos das bibliotecas da rede pública de ensino de Palmas serão controlados digitalmente, através de um sistema de código de barras. O programa, que ganhou o nome de “Palmasteca”, terá um cadastro de informações das obras literárias e leitores e o controle das reservas, possibilitando assim um melhor acompanhamento dos gestores das unidades de educação.

O Palmasteca vai permitir uma integração de todo o conteúdo disponível na biblioteca central e nas oito unidades das escolas da rede municipal, explica o analista de sistema da Waldecir Detoni. O programa, criado pela equipe da Divisão de Informática da Prefeitura de Palmas, foi apresentado nesta segunda-feira (20) aos diretores das escolas e a secretária de Educação, Professora Joseana Nicolaou.

“Nossa intenção é garantir um controle mais efetivo, que dará agilidade na localização das obras literárias, ou mesmo onde e quando serão reintegradas aos acervos, aquelas que estão emprestadas”, ressaltou Detoni. Na apresentação, ele contou com apoio do também analista de sistemas e desenvolvedor, Ricardo Gomes de Campos. Continue lendo

TRE pede ajuda a Traiano para revisão biométrica: quem não revisa não vota

TRE pede ajuda a Traiano para revisão biométrica: quem não revisa não vota

O TRE do Paraná está empenhado em uma campanha gigante que vai fazer a revisão biométrica (recadastramento das digitais) de 82%, ou 6 milhões e 500 mil eleitores paranaenses, até o fim do ano. O eleitor que não comparecer para a revisão não vai poder votar nas eleições de 2018, que vão escolher os novos deputados, senadores e presidente da República.

O desembargador Adalberto Jorge Xisto Pereira, e o vice-presidente e corregedor do TRE-PR, Luiz Taro Oyama, estiveram hoje (21), com o presidente da Assembleia, Ademar Traiano (PSDB), para pedir ajuda na divulgação da campanha. “Precisamos todo o apoio da Assembleia, das Câmaras municipais, das lideranças, para divulgar essa o recadastramento biométrico”, disse Xisto.

O apoio solicitado a Assembleia envolve não só a divulgação e convocação como ajuda no transporte de eleitores. Nesta semana o presidente do TRE vai estar em Cerro Azul (23), União da Vitória e Rio Negro (24)00, comandando pessoalmente a revisão biométrica. “É importante lembrar que o eleitor que não comparecer terá o título cancelado e não poderá votar”, enfatizou o desembargador. Continue lendo

A politização de tudo

Boca Maldita: A politização de tudo

Ao deliberadamente fazerem da entrega de um prêmio literário ocasião para uma truculenta manifestação contra o governo, totalmente fora de lugar e hora, os petistas sem voto mais uma vez deixam claro que mesmo a mais singela das circunstâncias será politicamente explorada

Editorial, Estadão

Cada vez mais desprovido de apoio eleitoral, e ciente de que a opinião pública em geral lhe é crescentemente hostil, o PT tem investido o que resta de suas energias na transformação de todos os aspectos da vida nacional em luta política. Segundo essa estratégia de inspiração autoritária – que, malgrado sua evidente afronta à razão e à liberdade, conta com animado apoio de artistas e intelectuais –, tudo deve ser visto pela óptica da polarização.

Simples opiniões sobre temas cotidianos são desde logo enquadradas nas categorias que os petistas criaram para definir todos e cada um dos brasileiros desde o impeachment da presidente Dilma Rousseff: ou o sujeito é um “progressista”, preocupado com a preservação dos “ganhos sociais” proporcionados pela gestão do PT, ou é “golpista”, que só pensa em prejudicar os pobres e acabar com a democracia. Continue lendo

« Older posts

© 2017 Boca Maldita

Layout por Poolbliq ComunicaçãoUp ↑