0 Shares 393 Views

“Um dia histórico para Foz do Iguaçu”, diz Giacobo

7 de agosto de 2019
393 Views

 

“Este é um dia histórico para Foz do Iguaçu”, disse o deputado Fernando Giacobo sobre o início nesta quarta-feira, 7, das obras da segunda ponte que ligará Foz do Iguaçu com a cidade paraguaia de Presidente Franco. “Fico muito feliz por ter participado de todo esse processo e de brigar mesmo pela construção da segunda ponte e, principalmente, da Perimetral Leste”, completou Giacobo.

As obras têm prazo de 36 meses para serem concluídas e incluem ainda a construção de 15 quilômetros da Perimetral Leste que ligará o trevo da Avenida das Cataratas, acesso à Argentina, com a BR-277, desviando o tráfego de 60 mil caminhões, vindos da Argentina e Chile, que utilizam anualmente as vias centrais da cidade.

O investimento total de R$ 463 milhões, é da Itaipu Binacional –  R$ 323 milhões para a ponte e R$ 140 milhões para a perimetral. “Na construção das duas obras estão sendo criadas mais 400 vagas, além dos empregos e serviços indiretos. Os empregos vem em boa hora e vai movimentar a economia da cidade”, disse Giacobo.

Turismo – Com 760 metros de comprimento e vão-livre de 470 metros, a nova ponte será do tipo estaiada, com duas torres de 120 metros de altura. A pista será simples, com 3,7 metros de largura, acostamento de 3 metros e calçada de 1,7 metro. O investimento previsto também contempla as desapropriações necessárias para a construção da perimetral.

A nova ponte deve absorver o tráfego pesado na fronteira entre Brasil e Paraguai, deixando para a Ponte da Amizade, construída há 53 anos, o trânsito de carros de passeio, vans e ônibus que transportam turistas.

“Foz do Iguaçu é centro de turismo mundial. E agora, com a reforma e ampliação e a nova pista do aeroporto internacional, e as obras da segunda ponte e da perimetral e outras que estarão por vir, vão dotar a cidade de infraestrutura adequada. Isso fará que Foz receba mais turistas, incrementado ainda mais sua economia e criando os empregos que a população precisa”, completou Giacobo.

Mais notícias para você:



Deixe um comentário

Your email address will not be published.