0 Shares 684 Views

Cascavel e Foz recebem Camerata Antiqua de Curitiba

17 de julho de 2018
684 Views

Após as apresentações na Sala São Paulo, a principal sala de concertos do País, e na serra paulista, no Festival Campos do Jordão, a Camerata Antiqua de Curitiba segue viagem para o interior do Paraná. A turnê pelo oeste paranaense passa por duas cidades e leva também obras apresentadas na capital paulista. Os concertos acontecem na quinta-feira (19/7), no Festival de Música de Cascavel e na sexta-feira (20/7), no Cine Teatro Barrageiros, em Foz do Iguaçu. As entradas são gratuitas.

O concerto Cartas e Provérbios tem a regência da maestrina Mara Campos. Em sua primeira apresentação, o Programa definido para o interior já lotou a Capela Santa Maria. São obras aclamadas pelo grande público e que serão executadas pelo coro da Camerata com 20 cantores, orientados tecnicamente por Campos, e a orquestra com 20 instrumentistas de cordas.

No Programa três obras de Johann Sebastian Bach (1685-1750): ‘Concerto de Brandemburgo nº 3 em Sol Maior’, ‘Bach (Again) Komm, süsser Tod’ e o ‘Moteto nº 3 – Jesu meine Freude’, executado pelo grupo este ano no Festival de Campos de Jordão. Além dessas, outras canções integram os concertos como a obra ‘Oração de São Francisco’ de Antônio Ribeiro (1971) e ‘Provérbios’ de Osvaldo Lacerda (1927-2011).

De acordo com Mara Campos, o que predomina é a inspiração que todas as obras, em sua gênese, vieram de cartas e provérbios. “Esse título diz exatamente onde queremos chegar, descreve de uma forma mais próxima do nosso entendimento em que várias das obras foi concebida há séculos. Então a tomamos emprestas e a recontextualizamos no nosso presente”.

Para a regente, é importante que um grupo desse porte também inclua na programação anual essa descentralização,de forma a sempre buscar novos públicos. “Nessa viagem iremos abranger desde estudantes da música no Festival de Cascavel, mas também o grande público, por isso procuramos um Programa bastante variado, para mostrara a excelência do grupo”, comenta Mara.

Coralistas do Coro da Camerata participam como solistas, a soprano Luísa Favero e Karolyne Liesenberg, o baixo Ademir Maurício Sopranos e a contralto Ariadne Oliveira.

Com a viagem, a Camerata busca aperfeiçoar e dinamizar a vida artística. “A participação da Camerata Antiqua de Curitiba nos festivais de São Paulo e Cascavel e na Sala São Paulo e em Foz do Iguaçu demonstra a maturidade da Camerata, o que orgulha muito nossa cidade”, afirma a presidente da Fundação Cultural de Curitiba, Ana Cristina de Castro.

A turnê pelo interior do Paraná é uma realização do Ministério da Cultura e Prefeitura de Curitiba por meio da Fundação Cultural de Curitiba e Instituto Curitiba de Arte e Cultura, com apoio da Itaipú Binacional, Hotéis Mabu, Rede Paranaense de Comunicação (RPC) e da Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR).

Camerata Antiqua de Curitiba
Constituída por Coro e Orquestra, a Camerata nasceu em 1974, sob a égide de seus fundadores, o regente Roberto de Regina – hoje seu maestro emérito – e a cravista Ingrid Seraphim. A proposta inicial de execução exclusiva de música barroca e renascentista foi enriquecida com o acréscimo de um repertório de compositores contemporâneos nacionais e estrangeiros.

Mantida pela Fundação Cultural de Curitiba (FCC) e administrada pelo Instituto Curitiba de Arte e Cultura (ICAC), a Camerata Antiqua possui uma trajetória de conquistas e sucessos que se explica pelo empenho de seus integrantes, levando o grupo a se destacar nacionalmente pela qualidade e excelência de seu trabalho.

A Camerata contou com o comando de músicos notáveis, como o maestro Gerard Galloway e o violinista Paulo Bosísio, responsáveis por longo período pela orientação técnica do coro e da orquestra, respectivamente, além de Lutero Rodrigues, maestro titular nos anos de 1987 e 1988, e Wagner Polistchuk, diretor artístico de 2009 a 2011.

A preocupação com questões sociais também marcou a atuação da Camerata, no decorrer dos anos. Foram criados os programas “Música pela Vida”, em 1990, e “Alimentando com Música”, em 1993, com o propósito de levar a linguagem universal da música para salas de aulas, fábricas, asilos, orfanatos, hospitais e penitenciárias, transformando concertos didáticos em ingredientes de integração social.

A Camerata Antiqua de Curitiba tem como atual sede oficial a Capela Santa Maria. A maturidade musical conquistada em quatro décadas de atuação está registrada em oito discos (long plays) e seis CDs. A versatilidade na execução da música antiga e contemporânea é elemento fundamental de um trabalho contínuo, verdadeiro legado à cultura brasileira.

Serviço
Cascavel e Foz do Iguaçu recebem Camerata Antiqua de Curitiba
Festival de Música de Cascavel
Data: Quinta-feira, 19 de julho
Horário: 20 horas
Local: Teatro Sefrim Filho
Endereço: R. Rio de Janeiro, 905 – Centro
Telefone: (45) 3902-1865
Concerto em Foz do Iguaçu
Data: Sexta-feira, 20 de julho
Horário: 20 horas
Local: Cine Teatro Barrageiros (Parque Tecnológico Itaipu)
Endereço: Av. Tancredo Neves, 6731 – Jardim Itaipu
Telefone: (45) 3576-7200

Viridiana de Macedo Saldanha
Jornalista
Assessoria de Imprensa
(41) 3321-2846 – (41) 9664-3319
INSTITUTO CURITIBA DE ARTE E CULTURA
R. Cons. Laurindo, 273 | 80060-100
(41) 3321-2849
www.icac.org.br

Mais notícias para você:



Leave a Comment

Your email address will not be published.