0 Shares 211 Views

Projeto estimula estudante a fazer projeto de lei em Guaratuba

25 de maio de 2018
211 Views
Projeto estimula estudante a fazer projeto de lei em Guaratuba
Quase todo mundo já pensou que faria, se pudesse, uma lei para resolver problemas da cidade, do estado ou do país. A dificuldade é que o poder de fazer leis está nas mãos de representantes do povo, eleitos pelo voto. Um caminho para atingir o objetivo, sem disputar uma campanha eleitoral, é participar do programa Geração Atitude, da Assembleia Legislativa do Paraná, que chega nesta sexta-feira (25) ao Colégio Zilda Arns, em Guaratuba.
 
Além das palestras sobre cidadania, serão recebidos projetos de lei de alunos. Qualquer aluno da rede pública pode participar. Os 32 melhores projetos serão levados para Curitiba. O Geração Atitude já promoveu este ano palestras em Curitiba, Campo Largo e Pinhais. O programa leva aos estudantes do Ensino Médio a oportunidade de um maior conhecimento sobre temas como cidadania, democracia, voto consciente e o funcionamento das instituições.
 
O deputado Ademar Traiano (PSDB), presidente da Assembleia, é um entusiasta desse programa e destaca a importância de se estimular o debate sobre o funcionamento dos três Poderes e das demais instituições entre os jovens, permitindo-lhes vivenciar de modo crítico o exercício da cidadania e a representação política. “Precisamos estimular o surgimento de novas lideranças e despertar o interesse dos jovens pela política”, diz Traiano.
 
O bate-papo com os estudantes acontece a partir das 10 horas no Colégio Estadual Zilda Arns e contará com a presença da diretora de Comunicação da Assembleia Legislativa do Paraná (Alep), jornalista Kátia Chagas, representando o presidente Ademar Traiano; do promotor de Justiça do Ministério Público do Paraná, Samuel Splenger; da magistrada Marisa de Freitas, juíza da Comarca de Guaratuba, representando o Tribunal de Justiça; além de representantes do Poder Executivo, através da Assessoria Especial de Juventude e da Secretaria de Estado da Educação, todos parceiros do Geração Atitude.
 
Nesta fase do programa, o “Geração na Escola”, os estudantes que já trabalharam os conteúdos do “Guia do Cidadão” em sala de aula podem tirar dúvidas diretamente com os representantes das instituições envolvidas e também são desafiados a pensar em mudanças para o Paraná e para o Brasil.
 
Após esses debates e o estudo do Guia do Cidadão os alunos, sob orientação dos professores, poderão apresentar projetos de lei à Assembleia Legislativa, expondo suas ideias e contribuindo desta forma com a sociedade.
 
As inscrições das propostas de lei desenvolvidas pelos estudantes já estão abertas e podem ser feitas no site www.alep.pr.gov.br/geração_atitude até o dia 8 de julho. As 32 melhores propostas serão selecionadas para a próxima etapa do programa, a “Caravana da Cidadania”, quando alunos e professores orientadores conhecerão as sedes das instituições em Curitiba e poderão defender suas propostas diretamente no Plenário da Assembleia Legislativa. Qualquer aluno do Ensino Médio da rede estadual de educação pode participar do “Geração Atitude” e apresentar propostas de projetos de lei para o Paraná.
 
O Geração Atitude foi formalizado em 2015, através da assinatura de convênio reunindo os Poderes Legislativo, Judiciário, Executivo – através da Secretaria de Educação e da Assessoria Especial para Assuntos de Políticas Públicas para a Juventude, e o Ministério Público do Paraná, com a finalidade de incentivar o exercício da cidadania nas escolas públicas da rede estadual, por meio de ações educativas.
 
Em agosto de 2017 o projeto recebeu o Prêmio do Conselho Nacional do Ministério Público na categoria “Redução da Corrupção”, disputando com projetos de todo o país durante o 8º Congresso Brasileiro de Gestão do Ministério Público, em Brasília. Este ano já foram realizadas etapas do Programa Geração Atitude (termo de convênio, Convênio Estadual n° 024/2017, celebrado entre SEED, ALEP, MPPR, TJPR e AEJ/CC; Lei Estadual n° 849/2015) nos municípios de Curitiba (CEEP), Curitiba (CE Julia Wanderley), Campo Largo (CE Sagrada Família) e Pinhais (CE Arnaldo F. Busato).

Mais notícias para você:



Leave a Comment

Your email address will not be published.