0 Shares 98 Views

Coluna Boca Maldita desta terça, 18

18 de agosto de 2015
98 Views

O momento agora é de
lutar por mais viadutos
Passada a euforia pela inauguração do viaduto da Avenida Paraná com a BR-277, e superada as birras de quem mais parece jogar no time do ‘quanto pior, melhor’, é hora dos iguaçuenses superar os traumas, aparar arestas e partir para uma nova luta. “Agora começamos a campanha para o viaduto da Costa e Silva”, ressaltou a coluna o empresário Paulo Angeli, que é presidente do Conselho Municipal de Turismo de Foz do Iguaçu.

Valorização turística
Paulo Angeli vai além, nesta proposta. Segundo ele, como se trata de uma estrutura na entrada da cidade, “tem que ser uma obra com valorização turística”. Perfeita a observação do empresário. A conquista do viaduto da Avenida Paraná mostra que a união de forças é fundamental, “basta ver o exemplo de Cascavel, onde todos os deputados, independente de partido ou grupos políticos, trabalham junto pela cidade”, comenta um leitor da coluna.

Arns, a aposta do PSDB
O ex-senador e ex-vice governador Flávio Arns, é a aposta do PSDB para chegar à prefeitura de Curitiba nas eleições de outubro de 2016. A afirmação é do presidente estadual, Ademar Traiano, que coordenou ato no final de semana, dando início as articulações da legenda com vistas ao pleito do ano que vem.

Picler vai pelo PEN
Já o empresário e ex-deputado federal Wilson Picler, reafirmou ontem (17) que vai disputar a prefeitura pelo PEN (Partido Ecológico Nacional). Picler é o presidente estadual da legenda e no pleito de 2012, foi o principal articulador da chapa vencedora de Gustavo Fruet (PDT), com quem ele rachou logo após a vitória.

Norte-Sul no Oeste e Sudoeste
A estatal Valec divulgou no final de semana o novo traçado da Ferrovia Norte-Sul, que vai interligar o país. A boa notícia é a inclusão do Paraná no roteiro, em especial as regiões Oeste e Sudoeste, comemorou o deputado Nereu Moura, líder do PMDB na Assembleia Legislativa.

Ferrovia II
O novo traçado da Ferrovia Norte-Sul incluiu no roteiro os municípios de Juranda, Ubiratã, Iguatu, Anahy, Corbélia, Cascavel, Catanduvas, Três Barras do Paraná, Quedas do Iguaçu, Cruzeiro do Iguaçu, Dois Vizinhos, São Jorge D’Oeste, São João, Verê, Itapejara D’Oeste, Bom Sucesso do Sul, Renascença e Vitorino.

Ferrovia III
Além destas localidades, a ferrovia programada pela Valec incluiu as cidades de Santo Inácio, Colorado, Nossa Senhora das Graças, Lobato, Santa Fé, Ângulo, Iguaraçu, Maringá, Paiçandu, Floresta, Itambé, Engenheiro Beltrão, Quinta do Sol, Peabiru, Campo Mourão, Farol, Mamborê, Boa Esperança e Juranda. O estudo, lembra Nereu Moura, será debatido dia 21 de agosto (sexta-feira) em audiências públicas em Curitiba, Florianópolis e Porto Alegre.

Sopa de números
O leitor já deve ter ouvido a expressão “sopa de letrinhas”, principalmente para falar de partidos. Pois bem, após as manifestações contra a corrupção do domingo (16), o que se viu em blogs, jornais, sites, tevês e outros veículos de comunicação foi um festival de números de participantes dos atos. Cada grupo puxando a sardinha para seu lado – a mais para quem é do contra, e menos para quem é do contra aos do contra.

150 mil no Paraná
Mais de 150 mil é o número oficial divulgado com base em levantamentos da Polícia Militar, na somatória de todos os locais onde ocorreram as manifestações.

Mais notícias para você:



Deixe um comentário

Your email address will not be published.