0 Shares 162 Views

Coluna Boca Maldita desta quinta, 16

16 de julho de 2015
162 Views

Cedo para falar em prorrogação

O governador Beto Richa (PSDB) afirmou ontem (14) que não houve por parte do Estado qualquer tratativa em relação à ampliação dos contratos das concessionárias do pedágio das estradas federais no Paraná. “Ninguém tratou a ampliação de contrato de pedágio. Temos que tratar este assunto com muita cautela. Todos sabem que é um tema delicado e complexo”.

Proposta em análise

Em entrevista a imprensa (foto), Beto Richa explicou que no momento o que está em discussão é a proposta de entidades paranaenses do setor produtivo que pleitearam junto ao governo federal, no Ministério dos Transportes, a ampliação da delegação das rodovias federais ao Estado. As negociações são coordenadas por um grupo formado por representantes de todos os setores envolvidos.

Pré-campanha liberada

A comissão de reforma política do Senado aprovou a pré-campanha eleitoral. Isso mesmo, se a proposta passar pelo Plenário, os políticos não precisarão mais esperar a convenção partidária para se declararem candidatos a cargo eletivo. Hoje o comum é afirmarem que são pré-candidatos. É bom lembrar que muitos já foram punidos sob a acusação de campanha eleitoral antes do prazo.

Políticas para imigrantes

A Comissão do Mercosul e Assuntos Interacionais da Assembleia Legislativa realizou ontem (15) a última reunião antes do recesso parlamentar que vai até o próximo 3 de agosto (segunda-feira). No encontro, com presença dos deputados Maria Victória (PP), Chico Brasileiro (PSD), Professor Lemos (PT) e Evandro Araújo (PSC), foram tratados temas como a abertura de casas de apoio para imigrantes e revalidação de diplomas para estrangeiros recém-chegados no Paraná.

Delegacias da Receita Estadual

Sete entidades da sociedade civil elaboraram um documento pedindo que o Governo do Estado anule a portaria que propõe o fechamento das delegacias da Receita Estadual de Foz do Iguaçu e União da Vitória. Segundo as instituições, a medida vai afetar diretamente as regiões de ambos os municípios. Como a coluna adiantou ontem, a revogação da medida está sendo acompanhada, junto ao secretário estadual Eduardo Sciarra (Casa Civil), pelos deputados Hussein Bakri e Claudia Pereira (PSC).

Futuro de Alvaro Dias

Um dos assuntos mais falados no Senado e no Paraná esta semana é o futuro do senador Alvaro Dias (PSDB). De licença desde o dia 6, ele confirmou que volta ao trabalho dia 25 de julho. Há quem diga que o tucano se retirou da cena para formalizar sua desfiliação do PSDB e tratar de sua filiação ao PSB, para concorrer à presidência em 2018.

Emergência em 47 municípios

O governador Beto Richa conversou ontem (15) com o ministro Gilberto Occhi (Integração) e pediu o reconhecimento imediato do estado de emergência de 47 municípios atingidos pelo tornado e pelas chuvas dos últimos dias no Paraná. Nesta quinta-feira (16), o ministro terá uma reunião com o governador e tratará imediatamente disso. Uma vez reconhecido o estado de emergência, é liberada a verba destinada aos municípios atingidos.

Mais sobre política estadual no www.bocamaldita.com

Mais notícias para você:



Leave a Comment

Your email address will not be published.