Page 2 of 2815

TRE quer expansão da biometria para 40% dos eleitores em 2016

image

O TRE-PR pretende ampliar o uso das urnas biométricas que já atende 25% do eleitorado no Estado para 40% nas eleições municipais de 2016. A meta é do desembargador Jucimar Novochadlo, que assume a presidência do tribunal na próxima segunda-feira, 2. Hoje, dos oito milhões de eleitores paranaenses, apenas dois milhões têm suas digitais cadastradas no sistema. “Já estamos realizando biometria na região metropolitana de Curitiba, especialmente em Colombo, São José dos Pinhais, Bocaiúva do Sul e Pinhais. Também nas cidades do litoral, como Paranaguá, Antonina, Guaratuba e Marinhos”, afirmou Novochadlo. As informações são da Folha de Londrina.

A votação biométrica ocorre ainda em Curitiba, Londrina, Maringá, Tamarana, Doutor Camargo, Floresta, Ivatuba, Paiçandu, Campo Largo e Balsa Nova. A expansão para outras regiões depende do TSE que define sobre o tipo de cadastro a ser efetuado. “No sistema fechado, o Tribunal faz a convocação dos eleitores, com um prazo. Já no aberto, na medida em que ele (eleitor) precisa de um documento, vai até o cartório eleitoral e lá são coletados os dados para a biometria, que é o que vem acontecendo.” O custo para a realização de um único cadastro é de R$ 6.

Outra meta de Novochadlo é concluir, até o fim do ano, as obras do novo fórum de Cascavel e a reforma do de Foz do Iguaçu, os dois na região Oeste. Conforme o TRE, o Paraná possui hoje 206 zonas eleitorais e 139 fóruns inaugurados, restando 15 em fase de construção. O magistrado informou, ainda, que nos próximos pleitos mais duas cidades paranaenses devem contar com segundo turno: Foz e São José dos Pinhais, ambas próximas de atingir o número mínimo de 200 mil eleitores. Atualmente, só pode haver segundo escrutínio em Curitiba, Ponta Grossa, Londrina, Maringá e Cascavel.

Empreiteiras querem levar Lula e Dilma à roda da Justiça

image

Com os processos da Operação Lava-Jato a caminho das sentenças, as empreiteiras querem Lula e Dilma junto com elas na roda da Justiça

Rodrigo Rangel, Robson Bonin e Bela Megaele, Veja

Há quinze dias, os quatro executivos da construtora OAS, presos durante a Operação Lava-Jato, tiveram uma conversa capital na carceragem da polícia em Curitiba. Sentados frente a frente, numa sala destinada a reuniões reservadas com advogados, o presidente da OAS, Léo Pinheiro, e os executivos Mateus Coutinho, Agenor Medeiros e José Ricardo Breghirolli discutiam o futuro com raro desapego. Os pedidos de liberdade rejeitados pela Justiça, as fracassadas tentativas de desqualificar as investigações, o Natal, o réveillon e a perspectiva real de passar o resto da vida no cárcere levaram-nos a um diagnóstico fatalista. Réus por corrupção, lavagem de dinheiro e formação de organização criminosa, era chegada a hora de jogar a última cartada, e, segundo eles, isso significa trazer para a cena do crime, com nomes e sobrenomes, o topo da cadeia de comando do petrolão. Com 66 anos de idade, Agenor Medeiros, diretor internacional da empresa, era o mais exaltado: “Se tiver de morrer aqui dentro, não morro sozinho”.

A estratégia dos executivos da OAS, discutida também pelas demais empresas envolvidas no escândalo da Petrobras, é considerada a última tentativa de salvação. E por uma razão elementar: as empreiteiras podem identificar e apresentar provas contra os verdadeiros comandantes do esquema, os grandes beneficiados, os mentores da engrenagem que funcionava com o objetivo de desviar dinheiro da Petrobras para os bolsos de políticos aliados do governo e campanhas eleitorais dos candidatos ligados ao governo. É um poderoso trunfo que, em um eventual acordo de delação com a Justiça, pode poupar muitos anos de cadeia aos envolvidos. “Vocês acham que eu ia atrás desses caras (os políticos) para oferecer grana a eles?”, disparou, ressentido, o presidente da OAS, Léo Pinheiro. Amigo pessoal do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva nos tempos de bonança, ele descobriu na cadeia que as amizades nascidas do poder valem pouco atrás das grades.

Na conversa com os colegas presos e os advogados da empreiteira, ele reclamou, em particular, da indiferença de Lula, de quem esperava um esforço maior para neutralizar os riscos da condenação e salvar os contratos de sua empresa. Léo Pinheiro reclama que Lula lhe virou as costas. E foi dessa mágoa que surgiu a primeira decisão concreta do grupo: se houver acordo com a Justiça, o delator será Ricardo Breghirolli, encarregado de fazer os pagamentos de propina a partidos e políticos corruptos. As empreiteiras sabem que novas delações só serão admitidas se revelarem fatos novos ou o envolvimento de personagens importantes que ainda se mantêm longe das investigações. Por isso, o alvo é o topo da cadeia de comando, em que, segundo afirmam reservadamente e insinuam abertamente, se encontram o ex-presidente Lula e Dilma Rousseff.

Expulso

image

Notas Políticas. Gazeta do Povo

O PSDC decidiu expulsar ontem o vereador Cacá Pereira, que até o ano passado era o líder do partido na Câmara de Curitiba. Se o vereador não conseguir reverter a decisão na Justiça, deverá perder o mandato. Luiz Adão, presidente estadual do PSDC, diz que o partido vai solicitar imediatamente a perda de mandato de Cacá Pereira. Caso ele saia, o suplente a ser convocado é Fernando da Padaria. Pela lei brasileira, o cargo de vereador pertence ao partido. Se o político sai do partido ou é expulso, a vaga fica para o suplente da legenda. Cacá Pereira foi punido por acusação de infidelidade partidária na eleição para a presidência da Câmara em dezembro.

Aécio anuncia mobilização por nova CPI da Petrobras

O senador Aécio Neves (MG), presidente nacional do PSDB, anunciou hoje, em Brasília, que a oposição ao governo Dilma Rousseff (PT) vai se mobilizar, a partir de fevereiro, para a instalação de uma nova CPI da Petrobras.

Douglas Fabrício assume Esporte e Turismo no dia 5

2901 douglas fabricio secretaria esportes turismo parana

O deputado estadual Douglas Fabricio (PPS) toma posse como novo secretário do Esporte e do Turismo do Paraná no próximo dia 5, no Salão Nobre do Palácio Iguaçu, em cerimônia que contará com a presença do governador Beto Richa e outras autoridades.

Eleito para seu terceiro mandato como deputado estadual, Douglas tem experiência na atuação de serviços e aceitou convite do governador Beto Richa para conduzir as ações de apoio aos atletas e à prática esportiva pela população e incentivar o turismo. Continue lendo

PF investiga desvio de Vaccari e Youssef na Petros

2801 vaccari alberto youssef (1)

A Polícia Federal abriu inquérito para apurar suspeitas de desvio de dinheiro do Petros – o fundo de pensão dos funcionários da Petrobras. O alvo é o possível pagamento de propina a dirigentes do fundo para repassar recursos a empresas envolvidas no esquema Vaccari nega participação no caso. O inquérito foi instaurado a partir de uma representação enviada pelo PSDB ao Ministério Público no DF, em agosto de 2014. As informações são da coluna Painel, da Folha de S. Paulo.

Cerveró ameaça processar quem fabricar máscaras com seu rosto

do Congresso em foco

Cerveró ameaça processar quem fabricar máscaras com seu rosto

O ex-diretor da área internacional da Petrobras Néstor Cerveró não está para festa. Um dos presos da Operação Lava Jato, ele ameaça com processos judiciais quem produzir ou comercializar máscaras de carnaval reproduzindo seu rosto. Em fenômeno parecido com o que houve no julgamento do mensalão, em 2012, quando a máscara do então presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) Joaquim Barbosa foi recordista de vendas, o agora denominado caso do “petrolão”, esquema de corrupção há anos instalado na estatal, gerou uma demanda pela galhofa com Cerveró por parte do folião.

A poucos dias do carnaval, a defesa de Cerveró já age para impedir a folia com seu cliente. Um dos advogados da equipe, Edson Ribeiro, avisa que processará quem insistir na brincadeira. “Você tem o direito à imagem, tem o dano moral. Se alguém fizer [máscaras], vou localizar quem fez”, alertou Ribeiro, segundo o jornal O Globo. Um membro da equipe, informa o jornal, já contatou a maior fábrica desse tipo de artigo de carnaval no Rio de Janeiro – a Condal, em São Gonçalo – para anunciar a intenção de processá-la. Continue lendo

Gleisi quer presidência da comissão que aprova empréstimos para estados

Gleisi quer presidência da comissão que aprova empréstimos para estados

Ex-ministra da Casa Civil, Gleisi Hoffmann (PT) planeja assumir a presidência da Comissão de Assuntos Econômicos (CAE), a segunda mais importante do Senado, atrás da Comissão de Constituição e Justiça. É a CAE que avalia, entre outras coisas, solicitações de empréstimos internacionais de estados e municípios que dependem de aval do governo federal. A indicação para o comando do órgão deve caber ao PT, que terá a segunda maior bancada na próxima legislatura, atrás do PMDB. As informações são de André Gonçalves/Conexão Brasília/Gazeta do Povo.

Na legislatura passada, a comissão aprovou quatro operações de crédito negociadas pelo governo do Paraná. Somados, os contratos com o Banco Mundial e o Banco Interamericano de Desenvolvimento chegam a US$ 485,7 milhões (R$ 1,25 bilhão). Um quinto empréstimo de US$ 557 milhões (R$ 1,43 bilhão), do Credit Suisse, ainda está em análise na Secretaria do Tesouro Nacional e, se aprovado, seguirá para o Senado. O recurso será destinado à reestruturação de uma dívida do estado com a Copel.

Dia Nacional do Otário é todo o dia

Dia Nacional do Otário é todo o dia

Ricardo Noblat

E no dia em que a Petrobras divulgou o mais desastroso balanço de sua história nos últimos 50 anos, o Diário Oficial da União circulou com decretos assinados pela presidente Dilma Rousseff criando o Dia Nacional do Milho, o Dia Nacional do Técnico Agrícola, o Dia Nacional da Parteira Tradicional e o Dia Nacional da Vigilância Sanitária. A parteira não tradicional talvez venha a merecer seu dia.

Em seguida, Dilma embarcou para a Costa Rica onde se celebra a III Cúpula da Comunidade de Estados Latino-Americanos e Caribenhos. Em discurso maçante, alertou seus colegas para a crise econômica mundial, algo que certamente escapava ao conhecimento deles. E elogiou seu próprio governo, como de hábito. Sim, falou do programa Minha Casa, Minha Vida. Continue lendo

Eleitor desconfia de urna e aponta compra de votos

Eleitor desconfia de urna e aponta compra de votos

A oferta de vantagens ainda prevalece sobre a vontade real de boa parte dos eleitores brasileiros na hora de votar. Pesquisa do TSE divulgada ontem captou relatos de eleitores sobre flagrante de compra de votos nas últimas eleições. O índice médio é equivalente a 28%, mas chegou a 71% das respostas em Roraima. A menor incidência foi de 18%, no Rio Grande do Sul. No Distrito Federal,o índice foi de 21%. O levantamento apontou também que a maioria dos brasileiros está descontente com a obrigatoriedade de ir votar. No total, 76% declaram ser contra o voto obrigatório – 21% são a favor. O índice de contrários é maior entre os eleitores acima de 55 anos e o menor entre a faixa etária de 16 a 34 anos. As informações são do Metro/Brasília.

Há ceticismo também em relação ao segredo do voto. Os eleitores ouvidos relataram, por exemplo, casos de candidatos que pedem o número do título de eleitor dos cabos eleitorais pra comprovar o voto nas zonas eleitorais. Pelo menos 1/5 dos eleitores deram nota 0 no quesito confiabilidade das urnas, enquanto só 16% confiam plenamente. O TSE aponta que, embora a ausência de conexão na internet tenha sido assimilado, a população em geral ainda não está devidamente ciente de como a informação é transmitida e os votos computados. A nota média foi 5. A votação biométrica, implantada em 762 cidades para 21,6 milhões de eleitores, foi bem avaliada e teve nota 9 de média. A principal crítica foi a de portar o documento de identidade mesmo com a identificação pela impressão digital.

Economia: Valor de imóvel em Foz do Iguaçu sobe 18% e é destaque nacional

O valor dos imóveis em Foz do Iguaçu subiu 18% em 2014 e garantiu ao município, no Oeste do Paraná, destaque nacional no segmento da construção civil. Depois de anos de retração, o setor reagiu graças aos investimentos e ao conjunto de obras de infraestrutura viária executadas, ou em execução, pela prefeitura em todos os bairros e nas principais vias de ligação da cidade.

“Com todas as dificuldades que enfrentamos no início da nossa gestão, conseguimos colocar a casa em ordem, permitindo a execução de obras fundamentais para melhorar a qualidade de vida de toda a população de Foz do Iguaçu”, destacou o prefeito Reni Pereira (PSB). Entre as obras estão pavimentação asfáltico em ruas do Ouro Verde e Portal da Foz e duplicação da Avenida Morenitas (em fase adiantada) e da Felipe Wandscher, a Estrada Velha das Cataratas, que deverão iniciar nos próximos meses. Também previsto para os próximos meses, a conclusão do viaduto na Avenida Paraná, sobre a BR-277, ligando o centro de Foz à região da Vila A de Itaipu.

A valorização imobiliária de Foz do Iguaçu pautou reportagem da TV Tarobá (veja vídeo no alto da nota), que ouviu especialistas no setor. A alta dos imóveis da cidade no ano passado, ficou bem acima do setor nos principais municípios do Paraná – Cascavel ficou com a segunda posição registrando aumento de 11,4%, seguida de Maringá com 10,9% e Curitiba, com alta de 7,09%. Continue lendo

Justiça já bloqueou R$ 118 milhões

Justiça já bloqueou R$ 118 milhões

A Operação Lava Jato já bloqueou R$ 118,85 milhões de 16 pessoas e três empresas investigadas. Na lista, estão o ex-diretor da Petrobras Renato Duque, o empresário Fernando Baiano, apontado como lobista do PMDB, e 10 executivos presos na carceragem da PF em Curitiba.

O bloqueio de valores foi decretado em novembro pelo juiz federal Sérgio Moro, que conduz as ações da operação. Ele determinou o confisco de R$ 20 milhões de cada investigado.Na segunda-feira, pouco mais de dois meses após a ordem de congelamento de ativos dos empreiteiros, a PF juntou aos autos da Lava Jato um documento com os resultados da ordem de bloqueio.

O levantamento individual, que não contabiliza valores de contas no exterior, mostra que R$ 32,9 milhões já foram transferidos para uma conta judicial. O restante – R$ 85,9 milhões – ainda espera ter a transferência efetivada.

Plauto Miró defende a criação da região metropolitana de PG

Plauto Miró defende a criação da região  metropolitana de PG

Os novos deputados estaduais assumem no domingo (1º) e podem voltar a debater a criação da região metropolitana de Ponta Grossa. Esta é a intenção do deputado Plauto Miró (DEM) que acertou com o prefeito de Carambeí e presidente da Associação dos Municípios dos Campos Gerais, Osmar Blum, uma agenda em comum para este debate.

Plauto sugere fazer uma nova audiência pública com o propósito de ouvir especialistas e, se for o caso, dar rápida tramitação ao projeto que criará a região metropolitana. O presidente da AMCG pretende colocar o assunto em pauta na próxima reunião da entidade, no início de fevereiro.

Plauto Miró lembra que em outras oportunidades o assunto já foi discutido na Assembleia Legislativa. Entretanto, a proposta não chegou a ser votada porque não houve consenso regional. Agora o tema voltou em razão da nova lei federal, que institui o estatuto da metrópole e, também, porque foram criadas no Paraná quatro novas regiões metropolitanas. “Se for o desejo das lideranças, poderemos ter uma tramitação rápida na Assembleia”, frisa o deputado. “Mas é preciso consenso e para o consenso temos que debater, ouvir especialistas, pois não podemos errar”, alerta.

Lava Jato investiga mais 10 empreiteiras

Lava Jato investiga mais 10 empreiteiras

No mais recente desdobramento da Operação Lava Jato, a Polícia Federal decidiu abrir mais dez inquéritos para investigar grandes empreiteiras: MPE, Alusa Engenharia, Promon, Techint, Skanska, GDK, Schahin, Carioca Christiani Nielsen, Setala e Andrade Gutierrez. A PF vai investigar as empresas, “seus dirigentes e funcionários”, segundo ofício assinado pelo delegado Eduardo Mauat da Silva.

“A vaca tossiu”, diz Joice

A jornalista Joice Hasselmann, âncora da TVeja, lista todas as mentiras da presidente Dilma Rousseff (PT) que começa 2015 descumprindo tudo o que prometeu na campanha eleitoral

« Older posts Newer posts »

© 2015 Boca Maldita

Layout por Poolbliq ComunicaçãoUp ↑