Category: Politica (page 1 of 379)

Coluna Boca Maldita desta quarta, 20

Lula lá
Se a eleição para presidente da República fosse hoje, só a prisão tiraria a vitória de Lula (PT). É o que indica pesquisa da Confederação Nacional do Transporte (CNT), realizada pelo MDA e divulgada ontem (19). Lula vence nos cinco cenários nas intenções de voto para a sucessão de Michel Temer (PMDB), em outubro de 2018. “O petista está na frente em intenções para 1º turno tanto na pesquisa estimulada quanto na espontânea. Para o segundo turno, Lula lidera em todos os cenários em que aparece”, anotou o Jornal do Brasil.

Espontânea
Na pesquisa para 1º turno com respostas espontâneas, Lula tem 20,2% das intenções de voto, contra os 16,6% da última edição da pesquisa, em fevereiro de 2017. Na 2ª colocação está o deputado federal Jair Bolsonaro, que subiu de 6,5% para 10,9%.

Segundo time
João Doria foi citado espontaneamente por 2,4%. Marina Silva, por 1,5%. Também foram lembrados o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (1,2%), Ciro Gomes (1,2%), o senador Álvaro Dias (1%), a ex-presidente Dilma Rousseff (0,7%). O presidente Michel Temer ficou com apenas 0,4% das menções. Já o senador Aécio Neves (PSDB-MG) soma somente 0,3%.

Nas alturas
Entre os entrevistados, 21,2% afirmaram que votarão nulo ou em branco, enquanto que 37% se dizem indecisos.

Prioridade em habitação
As mulheres paranaenses, vítimas de violência doméstica, terão prioridade nas políticas do Sistema Estadual de Habitação de Interesse social (SEHIS). É o que prevê o projeto 9/2016, da deputada Claudia Pereira (PSC), aprovado segunda (18) pela Comissão de Defesa dos Direitos da Mulheres da Assembleia Legislativa. A iniciativa, que altera o inciso XVI, do artigo 2º da Lei Complementar 119, inclui ainda as mulheres nesta condição entre outras prioridades em serviços oferecidos pelo poder público.

Só Lula!
“Haddad? Jaques Wagner? Para quê?”. Da presidente nacional do PT, a senadora Gleisi Hoffmann, em entrevsita à BBC Brasil, descartando um plano B, caso o ex-presidente Lula não seja o candidato do partido em 2018.

É candidato
O comunicador Carlos Roberto Massa, o Ratinho, disse ontem que seu filho, o deputado Ratinho Junior (PSD), é candidato ao Governo do Paraná em 2018. “Ele (Ratinho Junior) estudou, se preparou, buscou experiências bem sucedidas de gestão no exterior e pelo Brasil, está construindo uma agenda que prioriza o desenvolvimento de todas as regiões do Paraná”, disse.

Cura gay?
Se vingar a decisão da Justiça Federal de Brasil, que permite a terapia de reversão sexual, estará aberto um precedente para considerar o homossexualismo como doença. O Brasil que já não tem hospitais, médicos e remédios para atender a população hoje, entrará em colapso. As lideranças LGBT já anunciaram que entraram com pedido de aposentadoria compulsória e retroativa pelos anos que trabalharam, mesmo “doentes”. “(…) E esta justiça desafinada/É tão humana e tão errada (…)” já cantava Renato Russo, vocalista da saudosa Legião Urbana.

Meu filho é candidato a governador em 2018, afirma o apresentador Ratinho

O comunicador Carlos Roberto Massa, o Ratinho, disse nesta terça-feira, 19, que seu filho, o deputado Ratinho Junior (PSD), é candidato ao Governo do Paraná em 2018. “Ele (Ratinho Junior) estudou, se preparou, buscou experiências bem sucedidas de gestão no exterior e pelo Brasil, está construindo uma agenda que prioriza o desenvolvimento de todas as regiões do Paraná. É um ótimo gestor público, provou isso na Secretaria de Desenvolvimento Urbano, e traz sua experiência como administrador na iniciativa privada. Reúne todas as qualidades para ser o próximo governador do Paraná, é candidato a governador e eu, como pai, estou muito feliz por mais esse desafio que o Junior enfrenta”, disse Ratinho.

Foto: Facebook

Mulher vítima de violência doméstica terá prioridade em habitação, prevê projeto

As mulheres paranaenses, vítimas de violência doméstica, terão prioridade nas políticas do Sistema Estadual de Habitação de Interesse social (SEHIS). É o que prevê o projeto 9/2016, da deputada Claudia Pereira (PSC), aprovado segunda (18) pela Comissão de Defesa dos Direitos da Mulheres da Assembleia Legislativa. A iniciativa, que altera o inciso XVI, do artigo 2º da Lei Complementar 119, inclui ainda as mulheres nesta condição entre outras prioridades em serviços oferecidos pelo poder público.

“Precisamos cada vez mais garantir e ampliar os direitos das mulheres”, disse Claudia, que é vice-presidente da Comissão. Na reunião, presidida pela deputada Cantora Mara Lima, foi aprovado ainda o parecer favorável ao projeto 11/2017, do deputado Pastor Edson Praczyk (PRB), dispondo sobre a implantação de medidas de informação e proteção à gestante e parturiente contra a violência obstétrica.

Participaram ainda da reunião a deputada Cristina Silvestri e o deputado Felipe Francischini.

Denúncia pede a cassação do mandato do vereador Dodô

A Câmara de Vereadores de São Francisco do Sul acatou, no último dia 29, um novo pedido de investigação sobre o vereador Salvador Luiz Gomes, o Dodô (PMDB) pela dispensa da contratação de uma empresa fornecedora de serviços de informática, quando o político era presidente do legislativo da cidade, em 2016. A denúncia já havia sido feita no ano passado e a investigação foi arquivada, pois a comissão não conseguiu dar prosseguimento no tempo legal, que é de 90 dias. A reapresentação feita por Fábio Torres Araújo foi a pedido a mesa diretora.

Fábio Torres Araújo, proprietário da WKPGA, empresa que prestou serviço entre dezembro de 2014 e 2015. Ele alega que Dodô dispensou, sem motivo legal, a licitação para contratar a Total Link. “A lei traz um rol taxativo das hipóteses que permitem a contratação por dispensa de licitação e, dentre elas, ainda há que se preencher todos os seus requisitos, de forma concomitante, sob pena de termos um ato ilícito“, argumenta Fábio, no texto da denúncia encaminhado ainda em 2016.

Conforme o documento apresentado, Araújo explica que, segundo o artigo 24, IV, da Lei 8.666/93, a licitação não é obrigatória somente “nos casos de emergência ou de calamidade pública, quando caracterizada urgência de atendimento de situação que possa ocasionar prejuízo ou comprometer a segurança de pessoas, obras, serviços, equipamentos e outros bens, públicos ou particulares (…)”. Continue lendo

Coluna Boca Maldita desta terça, 19

Lula quer Requião
Na passagem por Curitiba, para depoimento ao juiz Sérgio Moro na quarta (13), o ex-presidente Lula reforçou o convite ao senador Roberto Requião para ingressar ao PT, no caso de expulsão/suspensão no PMDB. O convite tem incentivo da senadora Gleisi Hoffmann, presidente nacional do PT, e que o comando também o petismo no Estado. Requião gostou da conversa de Lula e espera uma aliança do PMDB/PT/PCdoB/Rede/PV/PPL para disputar o Governo do Estado em 2018. O PT integrou os dois últimos governos (2003-2010) de Requião no Paraná.

Presidência
Em outra hipótese, Requião se colocou à disposição para substituir Lula na chapa do PT na disputa presidencial de 2018. O senador disse que pode liderar uma frente de esquerda e barrar o entreguismo do governo Temer ao capital estrangeiro. Lula achou graça da proposta. Requião fez cara de sério.

É o horror!
“Até chegar o momento em que ou as instituições solucionam o problema político, pela ação do Judiciário, retirando da vida pública esses elementos envolvidos em todos os ilícitos, ou então nós teremos que impor isso”. Do general da ativa no Exército, Antonio Hamilton Mourão, secretário de economia e finanças da Força, dando a entender que seus “companheiros do Alto Comando do Exército” entendem que uma “intervenção militar” poderá ser adotada se o Judiciário “não solucionar o problema político”, em referência à corrupção de políticos.

Derrota
Os seguidos recordes nominais batidos pela Bolsa e a excitação dos executivos financeiros pintando um cenário cor-de-rosa para a economia têm uma só explicação: o mercado está convencido de que o risco de a esquerda vencer a eleição presidencial de 2018 está reduzida a zero. De acordo com Lauro Jardim, em O Globo, a equipe econômica acha que recuperação forte do nível de emprego só acontecerá mesmo último trimestre de 2018.

‘Higia’
Este é o nome da operação deflagrada ontem (18) pela Polícia Civil, que apura crimes de associação criminosa no Sudoeste do Estado. As suspeitas são de fraude em licitações, peculato, concussão, corrupção ativa e passiva, falsidade documental e lavagem de dinheiro, envolvendo servidores públicos, empresários e vereador de Pato Branco, Clevelândia e Saudade do Iguaçu.

‘Higia’ II
Foram presos temporariamente 3 (três) secretários municipais, 1 (um) vereador, 1 (um) servidor público municipal, 1 (uma) servidora pública estadual e 3 (três) empresários de Pato Branco.

Fake news
Aproximadamente 12 milhões de pessoas difundem notícias falsas sobre política no Brasil. Os dados foram levantados pelo Grupo de Pesquisa em Políticas Públicas para o Acesso à Informação (Gpopai) da Universidade de São Paulo (USP).

Fake II
Se considerada a média de 200 seguidores por usuário, o alcance pode chegar a praticamente toda a população brasileira. O dado, de acordo com o Estadão, é resultado de um monitoramento com 500 páginas digitais de conteúdo político falso ou distorcido no mês de junho.

Na web, 12 milhões difundem fake news políticas

Cerca de 12 milhões de pessoas difundem notícias falsas sobre política no Brasil, de acordo com levantamento do Grupo de Pesquisa em Políticas Públicas para o Acesso à Informação (Gpopai) da Universidade de São Paulo (USP). Se considerada a média de 200 seguidores por usuário, o alcance pode chegar a praticamente toda a população brasileira. O dado é resultado de um monitoramento com 500 páginas digitais de conteúdo político falso ou distorcido no mês de junho. As informações são de Alexandra Martins no Estadão.

Pesquisadores das diversas áreas ligadas ao assunto, como Ciência da Computação, Ciência Política, Comunicação e Direito, são unânimes em afirmar que as notícias falsas podem ganhar bastante protagonismo na próxima disputa presidencial brasileira, com potencial de alcance maior do que as informações de fontes reconhecidas como confiáveis. “No atual momento, a polarização ideológica coincidiu com o consumo de notícias sobre política por meio das redes sociais. Quanto mais manchetes se prestam a essa informação de combate, maior é a performance delas, o que acaba por corroer o sistema como um todo, poluindo o debate político”, avaliou o cientista político Pablo Ortellado, um dos coordenadores do Gpopai.

O prognóstico é reforçado por exemplos quase que diários na rede. No dia 19 do último mês, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi alvo de uma fake news que dizia que o petista havia sido expulso de um restaurante em Natal. Naquele dia, Lula estava em Pernambuco na caravana pelo Nordeste. A notícia falsa teve quase 15 milhões de compartilhamentos, comentários e outras interações no Twitter Continue lendo

Em Goioerê, Evandro Roman participa da abertura nacional do plantio da soja

 

O deputado Evandro Roman (PSD) participou nesta sexta-feira, 15, em Goioerê, do evento que marcou a abertura nacional do plantio da safra da soja 2017/2018. “A expectativa para a safra do ano que vem é das mais animadoras, já que a aplicação de tecnologia no campo e uso de sementes geneticamente aprimoradas, permitirá que tenhamos áreas rurais cuja produtividade deve ser três vezes maior do que a média nacional”, disse Evandro Roman.

“É o Paraná dando exemplos ao Brasil e o produtor rural fazendo a sua parte. Ficamos cheios de orgulho e verificamos que o trabalho realizado na Comissão de Novos Cultivares da Câmara dos Deputados vem surtindo o efeito desejado”, completou o deputado.

Evandro Roman destacou ainda a organização do evento – Aprosoja Brasil, Aprosoja Paraná e Secretaria da Agricultura e Canal Rural – e a participação do governador Beto Richa, deputados federais e estaduais, prefeitos, lideranças, e, em especial, do deputado Ratinho Junior (PSD).

Delação de Palocci pode comprometer magnata farmacêutico dono da Globo de Santa Catarina

Há não muito tempo todos os holofotes que iluminavam denúncias de corrupção envolvendo empresários miravam no carioca Eike Batista, falido dono do império das empresas X e ex-candidato a homem mais rico do mundo. No ritmo frenético da Lava-Jato, os canhões miraram em seguida para Joesley Batista, marido da apresentadora Ticiane Villas-Bôas e maior produtor de carne do mundo.

Enquanto Joesley e Eike agora cumprem temporada na cadeia, outro empresário que igualmente viu seu império ganhar corpo durante os governos petistas e que manteve Antônio Palocci e José Dirceu em sua folha de pagamento durante um bom tempo pode ser a nova bola da vez.

Carlos Sanchez, novo dono da Globo de Santa Catarina e que já teve o nome mencionado em depoimento do doleiro Alberto Yousseff, pode estar muito perto de entrar na roda, especialmente com a delação do ex-Ministro e seu ex-funcionário Antônio Palocci prestes a ser homologada.

O empresário tem um longo histórico de polêmicas. Abaixo, listamos algumas das principais traquinagens nas quais ele se envolveu. Continue lendo

Coluna Boca Maldita desta segunda, 18

Bacamarte
“Acredito que a gestão do procurador Rodrigo Janot na Procuradoria-Geral da República foi sem dúvida alguma a mais infeliz, a mais desastrosa. Faltou institucionalidade, houve abuso de poder, houve tentativa de transformar a Procuradoria em palanque político. O procurador-geral quase que chegou à situação tal qual o personagem principal do livro ‘O Alienista’. Ao final de seu mandato, quase que o procurador-geral pediu sua própria prisão preventiva”. Do ministro do STF, Gilmar Mendes, em Foz, ao criticar o procurador-geral Rodrigo Janot, comparando-o ao médico Simão Bacamarte, personagem criado por Machado de Assis em “O Alienista”, que resolver internar a si próprio em um hospício.

Pecúlio
As audiências da Operação Pecúlio, que estavam programadas para a sexta (15), devem ser retomadas nesta segunda (18). O adiamento foi necessário devido ao acidente doméstico sofrido pelo ex-prefeito Reni Pereira, que caiu de uma altura de quatro metros. Devido a queda, Reni ficou inconsciente, foi medicado, passou por uma série de exames e até chegou a receber alta na noite de sexta, mas precisou ser internado novamente na tarde de sábado (16), após sentir dores. O ex-prefeito é réu em ações penais que investigam um suposto esquema de corrupção na prefeitura.

Zeca aliviado
O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pediu o arquivamento de inquérito da Lava-Jato aberto para investigar o deputado Zeca Dirceu (PT-PR), filho do ex-ministro da Casa Civil, José Dirceu. O relator do caso no Supremo Tribunal Federal (STF) é o ministro Edson Fachin, a quem cabe tomar a decisão. A praxe, segundo a imprensa nacional, é referendar o arquivamento quando o pedido parte da PGR. O caso está em segredo de Justiça.

Acelerando
Os pré-candidatos a sucessão do governador Beto Richa (PSDB) estão pisando fundo na busca pela simpatia dos eleitores. No sábado (16), em Cornélio Procópio, o prefeito Amim Hannouche (PSDB) participou do encontro suprapartidário do PSD junto com o deputado Ratinho Junior. Segundo ele, a cidade e toda região norte não só reconhece Ratinho Junior como uma liderança política, mas também como um gestor preparado para liderar o maior projeto de desenvolvimento do Paraná.

Oportunidades
Pelo menos 15 órgãos abrem inscrições hoje (18) para 1.404 vagas e formação de cadastro de reserva em cargos de níveis fundamental, médio e superior. Os salários chegam a R$ 14.098,35 na Prefeitura de Pomerode (SC).

Com Giacobo
A deputada Claudia Pereira (PSC) aproveitou a ida até Brasília, na última semana, onde participou do 1° Seminário Internacional de Educação ao Longo da Vida – A Educação de Jovens e Adultos com Deficiência, para visitar o primeiro-secretário da Câmara, o deputado federal Fernando Giacobo. “Tratamos de assuntos importantes para os nossos municípios”, disse.

Indústria de delações
Em nota à imprensa nesta sexta (15), a senadora Gleisi Hoffmann, presidente nacional do PT, diz que a delação alinhavada pelo ex-ministro Antônio Palocci (PT) – que compromete o ex-presidente Lula e lideranças do petismo, incluindo ela – faz parte de um “método criminoso de coagir réus presos” e que “transformou a Vara de Curitiba numa indústria de delações”.

Deputada Claudia Pereira encaminha a Giacobo demandas de municípios do PR

A deputada Claudia Pereira (PSC) aproveitou a ida até Brasília durante a semana, onde participou do 1° Seminário Internacional de Educação ao Longo da Vida – A Educaçâo de Jovens e Adultos com Deficiência, para visitar o primeiro-secretário da Câmara, o deputado federal Fernando Giacobo. “Tratamos de assuntos importantes para os nossos municípios”, disse.

Delação de oito executivos da OAS chega ao STF e atinge Lula, Dilma e aliados de Temer

Depois das delações da Odebrecht e da JBS, que provocaram estragos no mundo político e indignação no país ao revelar esquemas de corrupção arquitetados ao longo dos últimos governos, será revelada a versão de mais uma empresa sobre conchavos feitos com o poder público. Chegou nesta sexta-feira ao Supremo Tribunal Federal (STF) a colaboração premiada de oito executivos da OAS, uma das empreiteiras acusadas de desviar dinheiro de contratos da Petrobras para pagar propina a políticos. O material é extenso e tem conteúdo comprometedor para aliados do presidente Michel Temer, além de atirar nos ex-presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff.As informações são de Carolina Brígido n’O Globo.

Quando todos achavam que a denúncia apresentada contra Temer na última quinta-feira era a última flechada do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, a delação da OAS aterrissou no dia seguinte no tribunal para turbinar ainda mais a Operação Lava-Jato. O material foi enviado à mais alta Corte do país porque os delatores falaram de crimes supostamente cometidos por pessoas com direito ao foro privilegiado, como parlamentares e ministros de Estado. Há a expectativa de que integrantes do Judiciário também tenham sido citados.

As provas apresentadas pelos delatores incluem montanhas de papel e mídias com depoimentos gravados. Tudo está protegido por segredo de Justiça. Não há previsão da divulgação do teor da colaboração. Entre os delatores cujos nomes estão em sigilo não está o ex-presidente da OAS, José Adelmário Pinheiro Filho, conhecido como Léo Pinheiro. Ele está preso por ordem do juiz Sergio Moro, que conduz julgamentos da Lava-Jato na primeira instância. Os depoimentos prestados por ele ao Ministério Público Federal (MPF) ainda são aguardados no STF para os próximos dias. Continue lendo

Ratinho Junior está preparado para liderar o maior projeto de desenvolvimento do Paraná

Neste sábado, 16, em Cornélio Procópio, o prefeito Amim Hannouche (PSDB) participou do encontro suprapartidário do PSD junto com o deputado Ratinho Junior. Amim Hannouche disse que a cidade e toda região norte não só reconhece Ratinho Junior como uma liderança política, mas também como um gestor preparado para liderar o maior projeto de desenvolvimento do Paraná.

“Nós reconhecemos Ratinho Junior também como um empresário de sucesso, um administrador com uma trajetória positiva. E quem fala da sua pouco experiente, está enganado. A história de trabalho como empresário e político traduz a boa experiência de quem está preparado para o desafio de liderar o maior projeto de desenvolvimento que o Paraná espera e precisa”, disse Amim Hannouche, presidente da Associação dos Municípios do Norte do Paraná.

Foto: arquivo/Google

Coluna Boca Maldita desta quarta, 13

Lula em Curitiba
O ex-presidente Lula (PT) presta hoje (13) em Curitiba, o segundo depoimento ao juiz Sergio Moro no âmbito da Lava Jato. Desta vez, vai responder questionamentos sobre o processo que investiga a compra de um terreno para a construção da sede do Instituto Lula, em São Paulo. A acusação é de que o terreno foi um “presente” da Odebrecht ao petista. A Gazeta do Povo lembra que essa é a primeira vez que Lula será ouvido na condição de condenado na operação. Em maio ele foi ouvido sobre o caso do tríplex do Guarujá, no litoral de São Paulo e dois meses após, foi condenado a nove anos e meio de prisão por Moro.

Coligação maior
Em entrevista ao jornal Metro de Maringá, a vice-governadora Cida Borghetti (PP) falou sobre os planos para 2018. “Sim, recebi o convite das direções nacional e estadual da legenda para disputar as eleições ao Governo do Estado. Aceitei o desafio com muita responsabilidade. Da nossa parte trabalhamos para ampliar a coligação vencedora das campanhas de 2010 e 2014”, disse.

Candidato
O deputado Ratinho Jr (PSD) retomou o mandato ontem (12) na Assembleia Legislativa. Em coletiva à imprensa, confirmou que sua saída da Sedu foi acertada com o governador Beto Richa (PSDB), a quem convidou Richa para integrar sua chapa como candidato a senador em 2018.

Multivacinação
A Campanha Nacional começou segunda (11) em todo Paraná. Até o dia 22 de setembro todas as unidades de saúde do Estado vão atualizar as carteiras de vacinação. No dia 16 acontece o Dia D da campanha. “As vacinas são umas das principais formas de prevenção de diversas doenças”, disse o secretário estadual da Saúde, Michele Caputo Neto.

Quem quer…
… ser um deputado? O que você faria se você fosse deputado estadual? Pois a oportunidade de colocar esse projeto em prática pode estar mais próxima do que se imagina. O Parlamento Universitário, parceria entre a Escola do Legislativo da Assembleia e universidades de Curitiba, oferece a chance de ocupar as cadeiras dos deputados, com direito a apresentar projetos e fazer debates no Plenário.

Uber e Cabfy
O secretário de Finanças, Vitor Puppi, adiantou que termina sexta (15) o prazo de cadastro para as empresas que operam os serviços de transporte compartilhado (Uber e Cabfy, por exemplo) em Curitiba.

Estatal do pedágio
O líder do governo na Assembleia Legislativa, Luiz Claudio Romanelli (PSB), defende a criação de uma estatal para administrar os pedágios no Paraná. “Os que defendem uma presença mínima do Estado não aprovarão a ideia, mas eu não sou defensor do estado mínimo, e sim, do estado necessário, e todos hão de reconhecer que as privatizações da década de 1990 foram muito mal formatadas e mal sucedidas e só trouxeram lucros para alguns setores da iniciativa privada, em detrimento da maioria da população”, disse.

Sercomtel
Seguem até segunda (18) as inscrições para o 2º Prêmio Sercomtel de Inovação, concurso promovido pela Sercomtel Participações, em parceria com o Sindicato da Indústria da Tecnologia da Informação do Paraná, e que vai distribuir R$ 24 mil em dinheiro para os autores dos projetos e seus tutores.

Frontera Rock
A cena underground de Foz do Iguaçu está prestes a viver um momento histórico. É o Frontera Rock, projeto inédito na região que contempla o lançamento de um CD com músicas próprias de dez bandas locais – quase todas sem experiência prévia em estúdio – e dois shows de divulgação. O primeiro deles, segundo O Farol, será dia 30 de setembro, no Ballinas Pub.

Coluna Boca Maldita desta terça, 12

Petralias x coxinhas
A presença do ex-presidente Lula (PT) na quarta (13), para depor ao juiz da Lava Jato, Sérgio Moro, pode refletir nas ruas de Curitiba. Manifestantes petralias e coxinhas (como são apelidados os defensores de Lula e o PT e os contrários a Lula e o PT, respectivamente) vem convocando atos que devem ocorrer já a partir de hoje (12). Por um lado, os lulistas se mobilizam para sair às ruas coordenados pela Frente Brasil Popular, Resistência Democrática e Fórum de Lutas 29 de Abril. Por outro, o grupo Curitiba Contra a Corrupção e o Movimento Brasil Livre organizam a “recepção” de Lula

Com Lula
Os lulistas esperam o ex-presidente às 18h de quarta, na Praça Generoso Marques, em frente ao Paço Municipal. O ato faz parte da 2ª Jornada de Lutas pela Democracia.

PT convoca
O partido convocou para hoje, às 11h, uma coletiva de imprensa em sua sede. A pauta é a vida de Lula ao Paraná. A intenção, segundo os dirigentes petistas, é oferecer mais informações sobre as atividades do dia 13 de setembro.

Segurança
O secretário de Segurança Pública do Paraná, Wagner Mesquita, afirmou ontem (11) que o esquema de segurança para Lula terá mil policiais. No primeiro depoimento de Lula a Moro, em 10 de maio, o aparato de segurança montado pela Polícia Militar e Guarda Municipal incluiu bloqueio de ruas, uso de helicópteros, viaturas e mais de três mil policiais, com superior a R$ 150 mil.

Justiça em números
O balanço de 2016 do Poder Judiciário, divulgado pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), revela que o número de ações judiciais à espera de julgamento continua crescendo. Passou de 76,9 milhões em 2015 para 79,7 milhões no ano passado – um aumento de 3,6%, anotou o Estadão, em editorial na edição de ontem.

Números II
Revela, também, que os índices de litigiosidade continuam muito altos: em 2016, foram protocolados 29,4 milhões de novas ações na primeira instância das Justiças Estaduais, Trabalhista e Federal, ante 27,3 milhões em 2015.

R$ 40,2 milhões
Este é o montante que os brasileiros já pagaram, em 2017, ao conjunto de 81 senadores. A conta incluiu, além das atividades no Congresso Nacional, dois períodos de recessos de janeiro a agosto. Nesse total, consideram-se oito salários de R$ 33.763, mais a primeira parcela do 13º e outros gastos.

Coletiva
O deputado Ratinho Junior (PSD) reassumiu ontem o mandato e hoje fará uma coletiva à imprensa, a partir das 14h na Assembleia Legislativa. Ratinho Junior vai fazer um balanço das ações que desenvolveu na Sedu e da construção de nova agenda política para 2018, com propostas, projetos e planos para um novo Paraná.

De saída
Com a volta de Ratinho o suplente Luiz Corti (PSC), se despediu ontem (11) da Assembleia Legislativa.

Na Justiça
A doleira Nelma Kodama, ex-amante do doleiro Alberto Youssef e primeira pessoa presa na Lava Jato, já acionou seus advogados para pedir participação nos lucros do filme “Polícia Federal – A Lei É para Todos” pelo uso de sua imagem. Caso ganhe, ela pretende doar o dinheiro para a creche Casa da Criança Higino Penasso, em Canarana, no Mato Grosso, que leva o nome do seu avô.

Coluna Boca Maldita desta segunda, 11

Joesley preso
O ministro Edson Fachin, do STF (Supremo Tribunal Federal), acatou o pedido de prisão dos delatores Joesley Batista e Ricardo Saud, da JBS, segundo apurou a Folha de S.Paulo, mas não aprovou a detenção do ex-procurador Marcello Miller. Advogados dos delatores indicaram aos investigadores que, após a ciência oficial do mandado de prisão, os seus clientes estão dispostos a comparecer à Polícia Federal, em Brasília ou São Paulo, para se entregar. Com isso, evitariam uma operação policial em suas casas.

Presos II
Até o fechamento da coluna, no início da tarde de ontem (10), ninguém havia sido preso. As prisões são temporárias, ou seja, com prazo de cinco dias, mas podendo ser prorrogadas ou transformadas em preventiva. Os pedidos de prisão dos três foram feitos pelo procurador-geral, Rodrigo Janot na sexta (8). Na sequência, os advogados deles colocaram os passaportes de seus clientes à disposição do Supremo e pediram para eles serem ouvidos por Fachin.

Imbróglio
O centro da crise é uma gravação, datada de 17 de março, em que Joesley e Saud indicam possível atuação de Miller no acordo de delação quando ainda era procurador –ele deixou o cargo oficialmente em 5 de abril. O áudio foi entregue pelos delatores no dia 31 de agosto.

40 mil/dia
A Ponte Internacional da Amizade, na fronteira entre Brasil e Paraguai, recebe em média 38,9 mil veículos por dia. É o que revela a 9ª edição da Pesquisa de Tráfego e Perfil de Turistas na Tríplice Fronteira, feita de 15 a 18 de junho. O movimento em 2017 é 30% maior que o registrado em 2016. O estudo é de alunos e professores do Centro Universitário UDC.

Limpeza
A cúpula do PMDB está trabalhando para enquadrar o partido de norte a sul do país. Seu presidente, Romero Jucá, comanda a articulação para entregar o comando do partido nos estados para dirigentes regionais alinhados com a orientação nacional. Líderes como Roberto Requião (PR) e Kátia Abreu (TO), se der certo esta estratégia, perderão peso político.

Candidatos II
O partido também quer lançar o maior número possível de candidatos a governador. Acredita que, assim, conseguirá eleger a maior bancada de deputados federais e de senadores. E, mesmo que não tenha candidato próprio a Presidente da República, será protagonista principal da eleição presidencial, na formação e na condução do governo que assumirá em 2019.As informações são da coluna Brasil Confidencial.

Por Isa
A deputada Claudia Pereira (PSC) publicou, em sua página no Facebook, um vídeo apresentando a família da Isa, menina de 11 anos que precisa muito da ajuda de todos para um tratamento caro, “mas que é a única possibilidade de sobrevivência dela. Não importa o valor, quem puder ajudar, faça a sua doação”, disse. As contas são Caixa Econômica Ag 4417 – Op 13 – conta poupança 5654-5, Banco do Brasil Ag 2195-4 – conta poupança 91.000-7 – Variação 51. Favorecida Isadora C. de Souza Rodrigues.

Pica-Pau
Foz do Iguaçu está na tour que o personagem Pica-Pau, estrela de um longa metragem que chega aos cinemas dia 04 de outubro, começou ontem pelo Brasil. O giro começou ontem (10) em Manaus e inclui ainda Olinda/Recife (terça, 12), Salvador (dia 14), Brasília (dia 16), Rio de Janeiro (dia 18), São Paulo (dia 20), Curitiba (dia 22) e Foz (dia 25). A iniciativa é da Universal Pictures, com apoio da Avianca.

O filme
Com direção de Alex Zamm, a obra resgata o personagem que marcou gerações em uma produção que mescla live action e tecnologia CGI. Criado por Walter Lantz em 1940, o Pica-Pau é protagonista de 166 episódios animados que já foram transmitidos em mais de 155 países e em 105 idiomas diferentes.

Older posts

© 2017 Boca Maldita

Layout por Poolbliq ComunicaçãoUp ↑