0 Shares 1857 Views

Governador Ratinho Junior autoriza obras do Contorno Sul de Maringá

7 de fevereiro de 2019
1857 Views

 

O governador Carlos Massa Ratinho Junior autorizou nesta quarta-feira (6) o início das obras de recuperação do Contorno Sul de Maringá, uma das mais aguardadas na região. O investimento de R$ 12 milhões será feito com recursos do Governo do Estado.

Ao assinar a ordem de serviço, Ratinho Junior afirmou que as medidas de contenção de gastos adotadas pelo Governo do Estado viabilizam investimentos em projetos como esse, que melhoram as condições de vida da população. “Já nos primeiros 30 dias fizemos uma série de cortes de despesas para que possamos ter dinheiro para atender demandas como essa, que é fundamental para Maringá”, afirmou.

“Essa é minha primeira liberação de grande porte e se destina a uma obra muito aguardada, porque vai melhorar bastante a infraestrutura de toda a região, se refletirá na melhoria do tráfego, em mais segurança. Hoje a rodovia é perigosa, por causa da falta de manutenção”, disse Ratinho Junior. Maringá é uma mola propulsora do desenvolvimento do Paraná e merece esse investimento.”

MELHORAR – O recurso do Estado foi liberado por meio de convênio da Secretaria da Infraestrutura e Logística e o DER-PR com o município. O trabalho envolve recape, fresagem, recomposição (processo mais profundo que o recape) em trechos mais críticos. O prazo de entrega é de 270 dias. A obra vai assegurar melhores condições de tráfego e também são analisadas melhorias pontuais em pontos de alagamento e programados novos serviços de roçada e manutenção nas margens da via, melhorando a visibilidade de sinalização.

“Atendemos uma demanda de toda a região, o contorno Sul é extremamente importante. É uma rodovia, mas na realidade corta a cidade, em vários bairros”, disse o prefeito Ulisses Maia. Ele destacou que o recurso liberado pelo Estado garante que as obras se iniciam imediatamente.

“Acredito a obra finaliza no máximo em oito meses pois o Estado já liberou os recursos, o processo licitatório já ocorreu e as empresas vão começar a executar a obra agora. A população vai perceber a melhoria chegando imediatamente”, afirmou Maia.

O prefeito enfatizou que as obras de recuperação do Contorno Sul antecedem uma reforma integral e definitiva da via. “Nesse momento faremos o recape completo, toda a malha asfáltica será recuperada e nós estamos trabalhando na elaboração de um projeto definitivo de longo prazo, com duplicação, acostamento, galerias, trincheiras, passarelas”, explicou.

Segundo o secretário municipal de Serviços Públicos, Vagner de Oliveira, a obra de recuperação é uma intervenção ponto a ponto nos 13 quilômetros da via. Para agilizar e simplificar o serviço, duas frentes de trabalho de uma mesma empreiteira atuarão na recuperação do contorno. Também são definidos como será realizado o serviço, levando em consideração o tráfego de veículos.

PRESENÇAS – Participaram da solenidade o secretário de Estado da Infraestrutura, Sandro Alex; o arcebispo de Maringá, dom Anuar Battisti; o presidente da Associação Comercial e Industrial de Maringá (Acim), Michel Felipe Soares; o deputado federal Ricardo Barros; e os deputados estaduais Do Carmo; Soldado Adriano e Cobra Repórter.

BOX
Governador se reúne com empresários na Acim
O governador Carlos Massa Ratinho Junior também se reuniu nesta com empresários da Associação Comercial e Empresarial de Maringá (Acim) para discutir as demandas do município e região. Ele disse que deverá ser criado um cronograma de investimentos para as obras mais urgentes da malha viária e de saneamento.

O Governo do Estado, a prefeitura de Maringá e a Acim planejam obras de recape e melhoria das rodovias já para os próximos meses. Técnicos da Sanepar também estudam investimentos na cidade para 2019. “Agora é sentar, ver o tamanho da possibilidade de investimento para que possamos atender a cidade de Maringá”, completou Ratinho.

O presidente da Acim, Michel Felippe Soares, citou as obras na fábrica de medicamentos do Instituto Tecnológico do Paraná (Tecpar) em Maringá. “É muito importante essa sinergia da iniciativa privada com o poder público. Esse investimento atende ao masterplan da cidade na área de saúde”, completou.

José Roberto Lourenço Mattos, presidente do Conselho de Desenvolvimento Econômico de Maringá (Codem), afirmou que as reivindicações foram pensadas para o ano e para o masterplan da cidade, que são as propostas para 2047, quando Maringá completa 100 anos. “A conquista da reunião é a integração entre o poder público e a sociedade organizada. O que aconteceu hoje é que temos demandas, uma lista de prioridades, e que o governador precisa conhecer”, disse ele.

Mais notícias para você:



Leave a Comment

Your email address will not be published.