0 Shares 270 Views

Onze empresas participam da licitação da construção do novo terminal do Aeroporto de Cascavel

10 de dezembro de 2018
270 Views

Na sexta-feira, 7, onze empresas participaram da licitação para execução das obras do novo terminal de passageiros do Aeroporto de Cascavel Coronel Adalberto Mendes da Silva, no valor máximo de R$18.574.150,06. “Tivemos quórum bom para concorrência. É um número ideal para uma obra que passa de R$ 18,5 milhões. A empresa vencedora terá um prazo de 12 meses para concluir o trabalho. Queremos muito inaugurar o novo terminal no final do ano que vem”, disse o prefeito Leonaldo Paranhos, que acompanhou o início dos trabalhos da licitação.

O início das obras está previsto para janeiro de 2019. “É tudo que a população espera porque é uma necessidade. Foi muito difícil chegar até aqui. Uma obra que envolveu governos federal e estadual e os tribunais de contas da União e do Estado. Uma obra que já tinha sido investido recursos, mas a empresa faliu”, disse o prefeito.

Paranhos ainda destacou que os projetos foram mudados. “Saímos de dois mil metros para seis mil metros e isso foi muito difícil. Mas, graças a Deus conseguimos chegar à licitação e esperamos que haja um desfecho que possa apontar o vencedor da licitação e, claro, torcemos para que seja uma empresa que tenha condições de atender as expectativas e as necessidades que o projeto tem”, completou.

A obra do novo terminal está parada desde 2016 quando a empresa Onça Construções deixou de executar o projeto. “Tínhamos 14 obras paradas e já colocamos em funcionamento obras para saúde, escolas, a obra do Cisop esta em andamento, o Centro de Iniciação Esportiva vamos inaugurar na próxima semana. Mas, o aeroporto é emblemático porque vem de uma complicação de muito tempo e estou entusiasmado. O desafio agora é fazer a obra e entregar para os usuários”, ressaltou.

O projeto do novo terminal inclui salas de embarque, espera, VIP, lanchonete, quiosque, estacionamento para 398 veículos com acesso ao terminal por escadas e rampa, área coberta para as lojas comerciais externas e entradas com acessibilidade. E também: praça de alimentação no piso superior com restaurante, lanchonete, sanitários, mirante, área técnica coberta para recebimento e despacho das bagagens e pátio para até três aeronaves modelo “boeing 737-800”, que tem capacidade para 215 passageiros.

Mais notícias para você:



Leave a Comment

Your email address will not be published.