0 Shares 164 Views

Coluna Boca Maldita de sexta, 29

29 de junho de 2018
164 Views
Planalto desiste de slogan 'O Brasil voltou, 20 anos em 2' após interpretação ambígua

Em alta
No Brasil, o que não para de subir são os índices de desaprovação ao presidente Michel Temer (MDB). Pesquisa Ibope divulgada ontem (28), a pedido da Confederação Nacional das Indústrias (CNI), aponta que seu governo tem reprovação de 79% e aprovação de 4%. Na última pesquisa, de abril deste ano, a reprovação ao governo Temer era de 72% e a aprovação, 5%. O levantamento ouviu duas mil pessoas em 128 municípios, com margem de erro de 2 pontos para mais ou para menos.

Subindo
A pesquisa incluiu também questionamento sobre a maneira de Temer governar. Neste item, 7% aprovam e 90% desaprovam. 3% não souberam ou não responderam.

Só ruim
Questionados sobre a lembrança de notícias ligadas ao governo Temer, 12% citaram a greve dos caminhoneiros, 11% lembram de notícias relacionadas à corrupção e 8% do aumento do preço dos combustíveis.

Fora da curva
O Valor Econômico, em edição especial sobre o Paraná, e diz que o Estado é um ponto fora da curva e comemora um desempenho diferenciado na economia. “Temos uma economia diversificada, que se mostrou resiliente à recessão e capaz de possibilitar ao Paraná sair primeiro da crise”, diz a governadora Cida Borghetti ao repórter Domingos Zaparolli.

Curva II
“Em 2017, enquanto o PIB brasileiro cresceu 1%, a expansão paranaense foi de 2,5%, depois de três anos seguidos de retração. O Estado encerrou o ano passado com PIB de R$ 415,8 bilhões, o equivalente a 6,35% da economia nacional”, aponta o jornal ao destacar ainda o recuo do desemprego e o aumento na rende per capita para R$ 1.476 mensais.

No plenário
O ministro Edson Fachin, do STF, liberou ontem o julgamento no plenário do recurso de Lula contra a decisão que arquivou pedido de liberdade. Ele definiu por este caminho depois de parecer da Procuradoria. Ontem Fachin pediu ainda a inclusão do processo na pauta de julgamentos, que cabe a presidente Cármen Lúcia. Deve ficar para agosto.

Eleições
O primeiro-secretário da Câmara Federal, deputado Fernando Giacobo, participou ontem de encontro regional, em Medianeira, que discutiu a participação do PR nas eleições de 7 de outubro. O evento, no Poliesportivo do Clube União, foi organizado pelo vereador Pedro Seffrin.

No Senado
O senador Roberto Requião (MDB) e o ex-governador Beto Richa (PSDB) seriam eleitos hoje para as duas vagas que serão abertas no Senado este ano. É o que indica Radar divulgada ontem. Requião, que deve tentar a reeleição, tem 25,9% das intenções de voto, seguido de Beto Richa, com 21,6%.

Segundo time
Em seguida aparecem Rubens Bueno (PPS) com 16,4%, Delegado Francischini (PSL) com 14, 1%, Flávio Arns (Rede) com 10, 3%, Takaiama (PSC) com 9,1%, Cristiane Yarede (PR) com 7,6%, Alex Canziani (PTB) com 6,2%, Professor Oriovisto (Podemos) aparece com 5,2% e Wilson Picler (PSL) tem 2,7%.

Ficha técnica
Foram ouvidas 1.494 pessoas, de 19 a 24 de junho. A pesquisa tem um intervalo de confiança de 95,5% com margem de erro de 2,6% pontos porcentuais. A pesquisa está registrada no TSE sob o número PR-04594/2018.

Mais notícias para você:



Leave a Comment

Your email address will not be published.