0 Shares 1178 Views

Coluna Boca Maldita de terça, 05

5 de junho de 2018
1178 Views

Tudo…
… pela Copa! O Diário Oficial da União de ontem (04) trouxe portaria que flexibiliza o horário de expediente dos órgãos e entidades da Administração Pública Federal direta, autárquica e fundacional nos dias de jogos da Seleção Brasileira na Copa do Mundo da Rússia. Quando o jogo for pela manhã, o expediente começa às 14h. Se forem a tarde, termina às 13h.

Na prisão
O ex-vereador de Londrina, Emerson Petriv, o Boca Aberta que teve o mandato cassado na Câmara, foi condenado pela juíza Deborah Penna, da 3ª Vara Criminal a oito meses de prisão, por ofensas contra o ex-prefeito Alexandre Kireeff. Segundo Claudio Osti, no Paçoca com Cebola, a pena será cumprida em regime aberto. Ele deve recorrer, já que a sentença é em primeira instância.

‘Talckmin’
O PSDB lançou um aplicativo para aproximar o pré-candidato Geraldo Alckmin do eleitorado mais jovem. O ‘Talckmin’ é um app que disponibiliza informações, agendas e coloca os eleitores em contato com o tucano, adianta Douglas Rodrigues, no Poder 360. O programa também permite aos usuários ganhar “medalhas” – recompensas pela dedicação à pré-campanha.

Condutas vedadas
A governadora Cida Borghetti (PP) assinou na última semana decreto sobre as condutas vedadas aos agentes dos órgãos públicos da Administração Direta, Indireta e Serviços Sociais Autônomos durante o processo eleitoral de 2018. O decreto segue cartilha eleitoral preparada pela Procuradoria-Geral do Estado (PGE).

Condutas II
No decorrer do pleito, a PGE deverá orientar os administradores públicos estaduais. Foi recomendado, ainda, que os interessados consultem a cartilha eleitoral disponibilizada no site da PGE-PR.

Com Ratinho
O PHS é o mais novo aliado do projeto eleitoral do deputado estadual Ratinho Junior, pré-candidato do PSD ao Governo do Estado. Com o anúncio, Ratinho soma sete partidos, incluindo PSC, PV, PR, PRB e Avante.

Parem
O jornalista Fábio Campanha adiantou ontem que não há mais graça nessa campanha que insiste em espalhar que Osmar Dias, do PDT, não será candidato a governador. Osmar Dias repetiu hoje pela enésima vez que é candidato e não abre. É verdade que a boataria de sua desistência permanece porque adversários se valem de declaração infundada do senador Alvaro Dias, o mano de Osmar que tem motivos muito particulares para desejar tal fim para o próprio irmão.

Governabilidade
“Que talvez seja melhor tentar a reeleição ao Senado para “garantir a governabilidade no Congresso” em caso de vitória de Bolsonaro”. Pensamento do senador Magno Malta que, segundo O Antagonista, é o vice dos sonhos do deputado federal Jair Bolsonaro, para concorre à presidência da República.

Mais notícias para você:



Leave a Comment

Your email address will not be published.