0 Shares 13 Views

Coluna Boca Maldita deste sábado, 18

18 de novembro de 2017
13 Views

Tabaco e Cataratas
O secretário de Turismo, Gilmar Piolla, levou à rede social do Facebook um tema polêmico na tarde de ontem (17), ao postar foto de uma marca de tabaco usando o nome das Cataratas do Iguaçu “indevidamente”, segundo ele. A imagem mostra uma caixa de essência de arguile produzida no Paraguai, com a foto das famosas quedas ao fundo e a frase “Sabores do Brasil – Iguassu Falls”. “Ela atribuiu, sem autorização, o nome Iguassu Falls, juntamente com uma imagem das Cataratas do Iguaçu, numa essência de narguile que está lançando no mercado brasileiro como parte de uma série Sabores do Brasil. Vamos contestar! Afinal, o maior patrimônio de um destino turístico é a sua imagem”, informou Piolla.

Tabaco II
A postagem gerou polêmica e muitos comentários pró e contra o uso da imagem das Cataratas para promover tabaco. Segundo Piolla, o ICMbio deverá adotar providências legais, “pois tem a missão de zelar pela imagem do Parque e das Cataratas”, completou o secretário.

Reforço de caixa
A Associação dos Municípios do Paraná vai pedir ao governo federal um reforço de caixa do FPM de R$ 270,3 milhões para o final deste ano. O valor é a parte relativa aos municípios do Paraná dos R$ 4 bilhões que a Confederação Nacional dos Municípios pretende pedir ao presidente Michel Temer nos próximos 21 e 22 em Brasília.

Reforço II
A mobilização integra a campanha “Não deixem os Municípios afundarem” que aponta para crise enfrentada pelas 5,5 mil prefeituras brasileiras. O presidente da AMP, Marcel Micheletto, pede o apoio dos prefeitos à mobilização.

Fica, sai!
Na reforma do governo Temer, Ricardo Barros permanece na Saúde e Blairro Maggi deixa a Agricultura e volta ao Senado. Os dois cargos são do PP que em troca da Agricultura quer o Ministério das Cidades, desocupado pelo PSDB.

Tudo como dantes…
… no quartel de abrantes! Nenhuma surpresa na sessão da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro, que tirou rapidamente da cadeia o presidente Jorge Picciani e mais dois caciques da política no Estado – Paulo Melo e Edson Albertassi. Todos são do PMDB. O placar apontou 39 votos a favor e 15 contra.

Sem abuso
O Tribunal de Justiça do Paraná mandou a APP-Sindicato retirar os painéis de outdoor instalados em Curitiba e ofensivos ao governador Beto Richa. No seu despacho nesta terça-feira, 14, o desembargador Jorge de Oliveira Vargas considerou os outdoors do sindicato da CUT e do petismo com “nítido excesso da liberdade de expressão bem como abuso da mesma”, sentenciou o relator do recurso em seu despacho.

Abuso II
O relator considerou que “o dano repercutiu na esfera da dignidade da pessoa humana e ofendeu a honra do agravante (Beto Richa”. “Assim sendo (…) defiro o pedido de tutela antecipada (…) diante a presença dos elementos que evidenciem a probabilidade do direito, para determinar a retirada dos outdoors”.

Mais notícias para você:



Leave a Comment

Your email address will not be published.